26 de junho de 2016

Nota de Falecimento

É com muito pesar que comunicamos o falecimento do Sr. Ademar Costa. O agente foi por muito tempo supervisor geral no Distrito Sanitário de Pau da Lima. O sepultamento será no Cemitério Quintas dos Lázaros, às 16h. Que Deus conforte os familiares e os amigos.

Diretoria da Aaces.

25 de junho de 2016

Instituto Butantã começa a testar vacina contra a dengue em todo o país

Instituto Butantã começa a testar vacina contra a dengue em todo o país
Foto: Reprodução
Os testes da terceira e última etapa da vacina contra a dengue, que já vinham sendo feitos desde fevereiro com 1,2 mil voluntários recrutados pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), começaram a ser realizados também, nessa quinta-feira (23), com 1,2 mil voluntários na Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (Famerp), no interior paulista. Segundo a Agência Brasil, o Hospital das Clínicas e a Famerp são dois dos 14 centros de estudo credenciados pelo Instituto Butantã - que desenvolve a vacina -, onde serão feitos os testes da terceira etapa do projeto. Esta fase envolverá 17 mil pessoas em 13 cidades, nas cinco regiões do país. Na próxima semana, segundo o instituto, um centro em Manaus (AM) e outro em Boa Vista (RO) também darão início aos trabalhos. A última etapa da pesquisa servirá para comprovar a eficácia da vacina. Do total de voluntários, dois terços receberão a vacina e um terço receberá placebo, que é uma substância com as mesmas características da vacina, mas sem os vírus, ou seja, sem efeito. Nem a equipe médica e nem o voluntário saberá quem vai receber a vacina e quem receberá o placebo. O objetivo é descobrir, a partir dos exames do material coletado desses voluntários, se quem tomou a vacina ficou protegido e se quem tomou o placebo contraiu a doença. Segundo Jorge Kalil, diretor do Instituto Butantã, São José do Rio Preto é a única cidade sem ser uma capital que participará desta etapa. “É o único centro que não está em uma capital. Lá tem uma medicina de muito boa qualidade e está em uma região onde é muito forte a dengue. Então, é  lugar bom para a gente testar [a vacina]”, disse Kalil, em entrevista à Agência Brasil. A vacina contra a dengue tem potencial para proteger contra quatro vírus da doença com uma única dose. Ela é produzida com vírus vivos, mas geneticamente enfraquecidos. Com os vírus vivos, a resposta imunológica é maior, mas como eles estão atenuados, não há potencial para provocar a doença.
Bahianotícias

22 de junho de 2016

“Transalvador não tem que arrecadar para pagar,” diz Lessa sobre fala de Müller

Por Chayenne Guerreiro | Fotos: Reprodução
“A Transalvador não tem que arrecadar para pagar não. Ela tem receita, é uma superintendência que tem previsão orçamentaria para sua manutenção, a afirmação do superintendente do órgão só confirma o que já sabemos: é uma fábrica de multas,” com essa declaração, o vereador Arnando Lessa ( PT), rebateu a afirmação do superintendente da Transalvador, Fabrizzio Müller, ao site Bocão News, sobre a arrecadação de quase R$ 160 milhões em multas feitas pelo órgão nos últimos quatro anos.
 
Segundo Müller, o valor era revertido para a própria superintendência. “Todo dinheiro das multas permanece nas Transalvador. É reinvestido. Nada vai para o caixa da prefeitura. Reinvestimos em viaturas, equipamentos eletrônicos, radares, placas.”
 
Ainda segundo o vereador, os radares instalados na cidade, que tiveram um acréscimo de 128% no gestão de ACM Neto (DEM), reafirmam a utilização errônea da prefeitura com o produto.
 
“Novos radares deveriam ser instalados em áreas onde existe risco. E eles são só uma forma de conseguir novas multas. Essa é uma das deformações que nós identificamos nessa gestão. O que deveria ser um trabalho educativo de orientação, virou um processo de arrecadação para a prefeitura e ninguém sabe pra onde vai e o que se faz com esse dinheiro. Se tudo que a prefeitura arrecada fosse reinvestido no sistema viário nós teríamos uma outra realidade. Temos uma cidade engarrafada em todos os pontos, as sinaleiras param de funcionar com qualquer chuva, as inteligentes não foram instaladas, as sinalizações são precárias. Existem absurdos como, o próprio guincho da Transalvador ser o mais caro do mercado. Além disso, todas as taxas e preços públicos cobrados pelo órgão são total fora de normalidade. Os agentes competem em uma gincana para ver quem multa mais,” afirmou.
 
Contrário à tese de que a prefeitura patrocina uma “indústria de multas”, Müller disse existir em Salvador uma “indústria de infrações”. “Eu acho que Salvador tem uma indústria de infrações.  O que não falta nessa cidade são infrações”. 
Bocão News

Prefeitura de Salvador arrecada quase R$ 160 milhões com multas em quatro anos

Por Alexandre Galvão
A prefeitura de Salvador, nos últimos quatros anos (até o dia 17 de junho de 2016), arrecadou quase R$ 160 milhões em multas, de acordo com a Transalvador.
Ainda segundo o órgão, no mesmo período, a implantação de radares (fixos e estáticos) teve um acréscimo de 128% - se comparado com o último ano da gestão João Henrique (2012). Antes, eram 80 equipamentos. Hoje, com ACM Neto, a cidade conta 183 aparelhos fiscalizadores. 
Superintendente da Transalvador, Fabrizzio Müller, afirmou ao Bocão News que os R$ 160 milhões não vão “para o caixa da prefeitura”. “Todo dinheiro das multas permanece nas Transalvador. É reinvestido. Nada vai para o caixa da prefeitura. Reinvestimos em viaturas, equipamentos eletrônicos, radares, placas”, enumerou. 
INDUSTRIA DE INFRAÇÕES – Contrário à tese de que a prefeitura patrocina uma “indústria de multas”, Müller aposta, na verdade, em uma “indústria de infrações” em Salvador. “Eu acho que Salvador tem uma indústria de infrações.  O que não falta nessa cidade são infrações”, acusou. 
Para o superintendente, “sempre há a discussão” se Salvador já tem radares suficientes, mas, para quem reclama, Fabrizzio deixa o aviso: “ainda há a possibilidade de instalar novos equipamentos”.

Ministério da Saúde confirma 1.616 casos de microcefalia no Brasil; mortos passam de 300

 Pasta ainda investiga mais de 3.000 casos em todo o País

                                          Do R7
Número de bebês com microcefalia no Brasil passam de 1.600
Estadão Conteúdo
O Brasil registrou 1.616 casos de microcefalia e outras alterações do sistema nervoso, sugestivos de infecção congênita em todo o País até 18 de junho. As ocorrências aconteceram em 576 cidades de todos os Estados e o Distrito Federal. De acordo com boletim divulgado nesta quarta-feira (22). Desde o início das investigações, em outubro do ano passado, 8.039 casos suspeitos foram notificados ao Ministério da Saúde.
De acordo com a pasta,no mesmo período, foram registrados 324 mortes suspeitos de microcefalia e/ou alteração do sistema nervoso central após o parto ou durante a gestação (abortamento ou natimorto) no País. Isso representa 4% dos casos notificados. Destes, 86 foram confirmados para microcefalia e/ou alteração do sistema nervoso central. Outros 182 continuam em investigação e 56 foram descartados.
Do total de notificados, foram descartados 3.416 casos por apresentarem exames normais, ou por apresentarem microcefalia ou malformações confirmadas por causa não infecciosas. Também foram descartados por não se enquadrarem na definição de caso. Outros 3.007 permanecem em investigação.
Já entre os casos confirmados, 233 tiveram confirmação por critério laboratorial específico para o vírus zika. O Ministério da Saúde informa que esse dado não representa, adequadamente, a totalidade do número de casos relacionados ao vírus. A pasta considera que houve infecção pelo zika na maior parte das mães que tiveram bebês com diagnóstico final de microcefalia.
Orientação
O Ministério da Saúde orienta as gestantes adotarem medidas que possam reduzir a presença do mosquito Aedes aegypti, com a eliminação de criadouros, e proteger-se da exposição de mosquitos, como manter portas e janelas fechadas ou teladas, usar calça e camisa de manga comprida e utilizar repelentes permitidos para gestantes.

Recesso Junino

Devido aos festejos juninos a Associação dos Agentes Comunitários e de Endemias de Salvador (Aaces) entrara em recesso a partir  desta quarta-feira (22), retornando as suas atividades na próxima segunda -feira (27).

Desejamos aos nossos colegas de farda um Feliz São João

21 de junho de 2016

Conselho entra com ação contra secretário de Saúde por improbidade

Conselho entra com ação contra secretário de Saúde por improbidade
Foto: Angeval Lopes / SCMBA
O Conselho Municipal de Saúde de Salvador entrou com uma representação no Ministério Público (MP-BA) contra o secretário de Saúde de Salvador, José Antônio Rodrigues, por improbidade administrativa. O órgão fiscalizador acusa o gestor de não prestar contas sobre os gastos do SUS na cidade. Ele teria que apresentar, em audiência pública na Câmara Municipal, informações como o montante e a fonte dos recursos aplicados, além de informações sobre os serviços públicos e indicadores da área de saúde na capital baiana. Segundo o Conselho, o caso representa um descumprimento da lei que define normas da prestação de contas dos gastos na saúde. “Essa prestação de contas não vêm sendo realizada pela gestão municipal, assim como o secretário não têm atendido às convocações do CMS (Conselho Municipal de Saúde) para participar de reuniões”, afirma nota assinada pelo presidente do órgão, Marcos Antônio Sampaio. A denúncia foi entregue à promotora Rita Tourinho.
 
Bahianotícias

Servidores municipais decidem manter a mobilização da Campanha Salarial 2016

Na manha de hoje (21), servidores municipais se reuniram em assembleia no Ginásio dos Bancários para dizer não ao reajuste de 0% oferecido pela prefeitura, que por sua vez quer colocar a conta da crise nas costas do servidor. 

A categoria promete prosseguir com as mobilizações.  Na próxima terça-feira (28), a partir das 8h30min, no Largo do Campo Grande, será realizada uma assembleia. Após a concentração, os servidores devem seguir em caminhada em direção ao Bairro da Barra. Os trabalhadores devem avaliar ainda um indicativo de paralisação. "Isso porque não podemos tolerar 0% de reajuste", finalizou Cássia, que é diretora da Associação dos Agentes Comunitários e de Endemias de Salvador (Aaces).

20 de junho de 2016


Porto Rico confirma 12 casos de síndrome de Guillain-Barré associados ao Zika

Porto Rico confirma 12 casos de síndrome de Guillain-Barré associados ao Zika
Foto: Getty Images
O departamento de Saúde de Porto Rico confirmou um total de 12 casos de síndrome de Guillain-Barré associados ao Zika desde a primeira vez em que o vírus foi identificado na ilha. Apenas na última semana, 225 novos casos de zika foram confirmados, com um total de 1.726 desde 31 de dezembro, segundo o site Terra. "A prevenção é a única ferramenta que fará a diferença com o vírus da zika. Tomemos as medidas necessárias para proteger as grávidas e a comunidade", afirmou a a secretária de Saúde, Ana Ríus Armendáriz, ao apresentar os dados.  
 
Bahianotícias

18 de junho de 2016

Orações ao companheiro Paulo da bandeira da Aaces

"Há um momento para tudo e um tempo para todo propósito debaixo do céu" ( Ecl 3,1).
Paulo da bandeira da Aaces é o tipo de sindicalista aguerrido, dedicado e extremamente emotivo. Seu compromisso com a causa dos trabalhadores é, de longe, inquestionável. Sua voz é reconhecida e acompanhada por milhares, todas as vezes em que, nas mobilizações da categoria, ressoa para animar e motivar os servidores na luta de cada dia.


Hoje, essa voz está um pouco fraca, pois o tempo do adoecer chegou para esse estimado e querido companheiro.
Hoje, o corpo pede um tempo, um cuidado.
Por ser homem de fé, certamente Paulo está dizendo:"Ergo os olhos aos montes: de onde virá meu socorro? O meu socorro vem do Senhor, que fez o céu e a terra" (Sl 121, 1-2).


Como companheiro da fé, também recorro a Deus, fonte da vida, que, segundo a sua vontade, possa restabelecer a saúde do companheiro. 


A nós, familiares, amigos e companheiros, cabe-nos as orações e as súplicas; na confiança de que tudo transcorrerá como Deus quer.

Processo judicial das gratificações: os agentes listados devem procurar a Aaces urgentemente

Os agentes de saúde cujo nome encontra-se na lista abaixo devem entrar em contato urgentemente com a Associação dos Agentes Comunitários e de Endemias de Salvador (Aaces) pelo telefone (71) 3027-0951 para verificar a data da audiência, a partir das 14h.

Gilmar Santos
Joel Domingos Lage Filho
Ana Rita Cales Peçanha
Regina Gabriela Santos
Janildes Rocha de Jesus Conceição
Jaqueline santos da Conceição Reis
Tereza Rosenilde Lopes Prado
Alda Lobo Lima
Anacildes Silva Coelho dos Santos
Aucineia Chaves Lopes
Edson Lázaro Nascimento da Fonseca
Alan Normandia dos Santos
Ana Cristina Natividade dos Santos
Cleber Antonio Jesus de Barros
Eliane Cristine Fernandes da Costa 
Edivan Pereira da Silva
Eneida santos Conceição
Josenice da Silva Santos
Berenilda Silva de Jesus Pimentel
Helionária Alves 
Ana Maria pereira Ribeiro
Arlete Carla de Jesus Silva
Claudio Santos da Silva 
Cristiano de Jesus Santos





































    











































17 de junho de 2016

Conquista: Frio aumenta alerta para contaminação de H1N1


Conquista: Frio aumenta alerta para contaminação de H1N1
Foto: Reprodução / Blog do Anderson
Moradores de Vitória da Conquista, no sudoeste, começam a se preocupar com a contaminação da gripe H1N1 por conta do começo do período mais frio na cidade, que se estende até agosto. De acordo com dados da secretaria estadual de Saúde (Sesab), foram registrados 14 casos confirmados da gripe, com duas mortes. O número pode ser maior devido ao fato de moradores não procurarem unidades de saúde. Os sintomas mais comuns da H1N1 são febre alta, dificuldade de respirar, com dispneia, e tosse seca. A recomendação é que o paciente procure os serviços de urgência logo que os sintomas se manifestem.
Bahianotícias

16 de junho de 2016

Salvador tem queda de energia em diferente pontos da cidade; Coelba investiga motivo

Salvador tem queda de energia em diferente pontos da cidade; Coelba investiga motivo

Salvador registrou queda de energia em diferentes pontos da cidade durante a tarde desta quarta-feira (15). Locais como o Costa Azul, Centro Histórico e Caminho das Árvores ficaram com o serviço prejudicado por alguns minutos. A Coelba ainda investiga quais locais da capital baiana ficaram sem energia e o motivo do problema.
Bahianotícias

13 de junho de 2016

DEBOCHE POUCO É BOBAGEM!

Neto sugere que servidores comprem tênis para acompanhá-lo em inaugurações
Segunda, 13 de Junho de 2016 - 12:39 

Por Cíntia Kelly | Fotos: Gilberto Jr.
http://imagem.bocaonews.com.br/fotos/noticias/146500/mg/

Apesar do barulho feito por servidores municipais defronte ao Multicentro de Saúde, na rua Carlos Gomes, o prefeito ACM Neto não se intimidou. Sob os gritos de “prefeito, não queremos seu medo e sim, respeito”, os servidores ficaram a ver navios. Neto vistoriou cada sala do Multicentro e depois de 40 minutos foi embora sem falar com os manifestantes, que reivindicam, entre outras coisas, reajuste salarial.

“Não vou discutir com ninguém no meio da rua. Eles falaram que não iriam paralisar as atividades se mostrássemos as dificuldades de arrecadação. Nós mostramos e sugerimos que deveríamos sentar para conversar em novembro. Até lá, a economia pode ter dado sinal de melhoras e o impacto ser positivo na arrecadação. Tenho que cumprir a Lei de Responsabilidade Fiscal. Minha prioridade é manter as contas públicas. Eu poderia dar o reajuste como ato eleitoreiro e não ter condições de pagar os salários e o 13º como já vem ocorrendo em estados e municípios”, contextualizou Neto.

O prefeito ainda sugeriu aos servidores que “comprem tênis novos para acompanhá-lo nas inaugurações até o fim do mês”.

Boção News
http://www.sindseps.com.br/v2/wp-content/uploads/2016/06/

12 de junho de 2016

http://www.sindseps.com.br/v2/wp-content/uploads/2016/06/

Brasil registra mais três mortes provocadas por zika em adultos

Brasil registra mais três mortes provocadas por zika em adultos
Foto: Venilton Kuchler/ ANPr
Subiu de três para seis o número de mortes provocadas por zika em adultos no Brasil. Dois dos casos aconteceram em Minas e um, no Rio. A informação, obtida pelo jornal O Estado de S.Paulo, deverá ser oficializada na próxima semana pelo Ministério da Saúde. A confirmação, considerada relevante por especialistas, ocorre em um momento em que governo se esforça para transmitir segurança à comunidade internacional, que volta os olhos para o Brasil com a proximidade da Olimpíada. Nesta sexta-feira (10), o ministro da Saúde, Ricardo Barros, concedeu uma entrevista para a imprensa internacional para mostrar o baixo risco de turistas se contaminarem com o vírus durante o período dos jogos. Para cientistas, embora mortes provocados por zika sejam consideradas raras, elas indicam que o vírus tem potencial para levar a quadros bem mais graves do que se imaginava. Além de risco de aborto e microcefalia nos bebês infectados na gestação, o zika também pode provocar em adultos encefalite e Síndrome de Guillain-Barré, uma doença autoimune que leva à paralisia dos membros. "Cada informação que se tem sobre o vírus é essencial. Podemos dizer que ele ainda é um grande desconhecido da ciência", afirma a pesquisadora da seção de Arbovirologia e Febre Hemorrágica do Instituto Evandro Chagas Socorro Azevedo. As novas confirmações indicam a necessidade de se pesquisar qual é o mecanismo de ação do vírus no organismo humano que pode provocar a morte. Outro ponto considerado essencial é desvendar quais fatores levam o paciente a ficar mais suscetível à ação do vírus. O Brasil foi o primeiro país a confirmar que a zika poderia provocar morte em adultos. Três dos óbitos aconteceram no ano passado. As novas confirmações de morte são de pacientes que se contaminaram neste ano. Laboratórios oficiais investigam ainda a causa de outras 49 mortes suspeitas de terem sido provocadas pelo vírus. Além do Brasil, os Estados Unidos também confirmaram uma morte provocada pelo zika. O caso, divulgado em abril, é de um homem de 70 anos. Ele teve a infecção tratada, mas morreu em consequência de uma hemorragia.
 
Bahianotícias

11 de junho de 2016

Testes em humanos de vacina contra a zika deverão acontecer até o fim do ano nos EUA

Testes em humanos de vacina contra a zika deverão acontecer até o fim do ano nos EUA
Foto: Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas
O Departamento de Defesa do governo americano informou nesta quinta-feira (9) que uma vacina contra o vírus da zika deve começar a ser testada em humanos até o fim do ano. Os cientistas do WRAIR, maior centro de pesquisa biomédica do Departamento de Defesa dos EUA, desenvolvem testes pré-clínicos de uma vacina com especialistas do Beth Israel Deaconess Medical Center, de Boston. De acordo com o comunicado divulgado pelo Departamento, essa tarefa se desenvolve "com rapidez" e os cientistas "planejam começar os testes em humanos antes do final do ano". Segundo o F1, o médico e coronel do exército Stephen Tomas, responsável pelo programa da zika, afirma que a rapidez é resultado do conhecimento que eles têm sobre o flavivírus, gênero de vírus que causa diversas doenças, como febre amarela, dengue e zika. "Existe uma pressa para fazer isto assim que possível porque há uma emergência de saúde pública em andamento. A zika é um flavivírus e trabalhamos com flavivírus em toda a nossa história, desde 1893. Desenvolvemos vacinas para flavivírus desde a Segunda Guerra Mundial” afirma Tomas. Os Estados Unidos acompanham a transmissão do vírus da zika em 39 países e territórios da América, em oito da Oceania e das ilhas do Pacífico e em um de Cabo Verde através de Centros para o Controle e Prevenção de Doenças (CDC). Até o momento os Centros detectaram mais de 600 casos de zika nos EUA, embora não haja indícios de que tenham sido gerados pela picada do aedes aegypti.  A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera o atual surto de zika como uma emergência de saúde global.
Bahianotícias

10 de junho de 2016

É publicada a Portaria 1.132, que revoga as Portarias 958 e 959

O MINISTRO DE ESTADO DA SAÚDE, no uso de suas atribuições, resolve:
Tornar insubsistente as Portarias n° 958 e 959/GM/MS, de 10 de maio de 2016, publicadas no Diário Oficial da União n° 89, de 11 de maio de 2016, Seção 1, páginas 83 e 84.
RICARDO BARROS
Fonte: DOU - DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO DE 10 DE JUNHO 2016, SEÇÃO 1, PÁGINA 74

9 de junho de 2016

Pesquisa aponta que maioria da população possui genes que causam doenças hereditárias

Pesquisa aponta que maioria da população possui genes que causam doenças hereditárias
Foto: Reprodução / Pixabay
Um estudo apontou que 56% dos pesquisados é portador de mutações genéticas causadores de doenças hereditárias. O estudo foi feito por pesquisadores da Unidade de Medicina Genômica do Centro de Saúde da Mulher Dexeus, em Barcelona e publicado pela revista “Human Mutation”. A pesquisa propõe que se ofereçam testes genéticos para mutações recessivas em serviços de medicina reprodutiva. O teste foi realizado com 1.301 pessoas a fim de identificar se elas são portadores de alterações genéticas recessivas. As alterações recessivas favorecem a transmissão aos descendentes das doenças hereditárias. Os pesquisadores afirmam que as doenças se manifestam apenas quando os pais são portadores de genes com mutações e transmitem para o seu filho duas cópias alteradas do mesmo gene. Por isso, muitas pessoas podem apenas ser portadoras das mutações, sem manifestar a doença, fazendo com que esta condição genética passe despercebida. Por conta disso, um teste específico para detectar alterações genéticas em 200 genes associados a mais de 300 doenças hereditárias foi desenvolvido. Os resultados mostraram que 56% das 1.301 pessoas que participaram do teste eram portadoras de, pelo menos, uma mutação genética recessiva associada ao desenvolvimento de alguma doença hereditária. Os pesquisadores afirmam que os dados demonstram a alta frequência de portadores destas mutações recessivas em toda a população geral.
Bahianotícias

7 de junho de 2016

Secretária Sônia Magnólia reafirma 0% de reajuste, adia o enquadramento e se recusa a entregar a ata da reunião.

Depois de uma reunião com os representantes dos servidores do município de Salvador na última quinta-feira (2), na qual participaram a AACES, o SINDSEPS, o SINDACS BA e a ASTRAM, a secretária de Gestão, Sônia Magnólia, afirmou em alto e bom som que a proposta da prefeitura para os servidores é: “0% de reajuste e o enquadramento só em novembro”.
Com todo um cenário preparado para dizer “NÃO” ao servidor, a reunião contou com a presença do subsecretário da fazenda, Walter Cairo, na qual apresentou o quadro da arrecadação tributária que, segundo ele, estaria negativo em 7%. Vale ressaltar que os trabalhadores suspenderam uma greve de trinta dias para aguardar o fechamento do quadrimestre, acreditando que a prefeitura iria pelo menos repor as perdas com a inflação, ledo engano.
Após muitos questionamentos por parte dos representantes dos trabalhadores sobre os critérios adotados para chegar a essa decisão, inclusive Josué Ferreira  (AACES) argumentou que, “em relação aos agentes de saúde, o recurso vem do governo federal e que o prefeito deveria cumprir a lei do piso”, mas não adiantou, chegou-se então a conclusão de que qualquer argumentação naquele momento seria em vão, lembrando que essa atual gestão ainda não cumpriu parte do acordo do ano passado. Todavia, o que nos intriga é a dificuldade da secretária para emitir a ata da reunião. Num primeiro momento disse que faria a ata, que não teria problema nenhum e que não disse nada que não poderia ser dito; depois disse que faria no dia seguinte na presença do procurador; depois não disse mais nada, ou seja, por três vezes a ata foi “negada” aos representantes sindicais.
Pelo resumo da opera, percebe-se que a prefeitura escolheu o servidor para contingenciar suas contas, querendo colocar a “crise” nas costas do servidor, e, como se não bastasse, o vereador Claudio Tinoco vai pra mídia dizer que “...é legitimo dar 0% de reajuste para os servidores”. Será que pra ele dar “0” pros outros é refresco?
Nesta quarta-feira,  às 8h, acontece uma assembleia geral dos servidores na quadra dos bancários nos Aflitos, onde os trabalhadores discutirão e decidirão os rumos da categoria.
Ressaltando que durante a última greve, num universo de quase 4000 agentes, menos de duzentos estavam na luta, de modo que nós temos um piso nacional aprovado por lei, esquecido pelo governo federal, ignorado pelo governo municipal e  ignorado pelos agentes de saúde, quando não vão buscar o seu direito legal. A gestão diz que não vai pagar e realmente não vai se só tiver 100 ou 200 lutando, mas se esses quase 4000 entenderem que unidos somos mais fortes e forem pras ruas, certamente conseguiremos!
A vitória do trabalhador está em suas próprias mãos.

6 de junho de 2016

Uma em cada 5 mulheres de até 18 anos já foi vítima de violência


Uma em cada 5 mulheres de até 18 anos já foi vítima de violência
Foto: Rovena Rosa / Agência Brasil
Uma em cada cinco mulheres com menos de 18 anos no mundo já foi vítima de estupro ou abuso sexual. Os dados integram um raio X produzido pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para alertar sobre o fenômeno da violência como um problema de saúde. O relatório traça a estimativa com base em estudos feitos entre 2011 e 2015 e compila informações de 133 países. Segundo o informe da entidade das Nações Unidas, que na semana passada aprovou um plano para combater a violência contra a mulher até 2030, os governos precisam agir. "Mulheres violentadas tendem a usar mais os serviços de saúde do que aquelas que não são abusadas, ainda que elas raramente indiquem que são vítimas", diz o informe. "Com muita frequência, instituições de saúde são lentas em reconhecer e lidar com essa violência." A entidade aponta que uma em cada três mulheres já "experimentou violência física e/ou sexual por parte de seus parceiros". Além disso, 7% das mulheres foram alvo de violência sexual por desconhecidos e 50% delas se envolveram em uma disputa física com seus companheiros. Para os especialistas da OMS, os dados revelam o caráter rotineiro da violência contra a mulher. "Trata-se de algo muito comum e muito mais regular do que imaginamos", diz Berit Kieselbach, uma das responsáveis pelo plano de enfrentamento da entidade. Ela diz ainda que o fenômeno da violência contra a mulher não é novo. "O que é novo é a capacidade de começar a coletar dados sobre o tema", explica. Berit lembra que dezenas de países não têm sistemas para identificar causas de mortes nem para medir a violência. Ao lado da estratégia para identificar os autores de crimes, a OMS tenta lidar com o impacto para a saúde, como depressão, ansiedade, estresse pós-traumático, suicídios, gravidez indesejada, resultados adversos nos bebês, transmissão de infecções e aids. Professora do Departamento de Saúde Materno-Infantil da Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo (USP), Carmen Simone Grilo Diniz explica que, como preconiza a OMS, o abuso sexual durante a infância e a adolescência implica problemas físicos e psíquicos que podem perdurar para o resto da vida. "Uma experiência como essa pode provocar quadros de estresse pós-traumático, depressão, comportamento autoagressivo, além do risco de se contrair doenças sexualmente transmissíveis", diz. Julia (nome fictício), de 24 anos, é um exemplo de mulher que precisou de ajuda psicológica para superar os traumas causados pelo abuso sexual. Aos 11 anos, ela se tornou uma vítima e entrou nas estimativas. A jovem conta que foi abusada por um funcionário da loja de seu tio, onde costumava ficar e brincar após as aulas. Com a chegada do novo atendente de 19 anos, a garota pensara ter ganhado um companheiro de brincadeiras. Todos os dias, jogavam forca e jogo da velha, mas, quando o tio saía, uma regra era imposta. "Ele dizia que, se eu perdesse, tinha de pagar uma prenda. E a prenda era me levar para um canto da papelaria e passar a mão em mim, no meu corpo, na minha vagina", conta. Ela sentia desconforto, mas era levada a acreditar que tudo fazia parte da brincadeira. "Só fui perceber que era algo muito errado quando contei para a minha mãe." Por um tempo, a jovem pensou que não conseguiria mais se relacionar com ninguém, mas, com acompanhamento psicológico, diz ter superado o problema. "O que eu sinto hoje é raiva quando vejo outros casos de abuso, porque o homem sabe que a criança não entende muito bem o que está acontecendo e se aproveita desse poder", diz. De acordo com Marina Ganzarolli, advogada e cofundadora da Rede Feminista de Juristas, se a maior parte dos casos de abuso contra mulheres é praticada por conhecidos da vítima, no caso de crianças e adolescentes, isso é ainda mais comum. "O chamado 'estupro de beco', em que um estranho violenta uma mulher, é o menos frequente. Geralmente, os abusos acontecem em espaços privados, cometidos por pais, padrastos, tios, amigos da família", afirma ela, assim como aconteceu com Julia. 
 
Bahianotícias

Ação na justiça: as audiências estão sendo marcadas; confira lista abaixo

 Resultado de imagem para imagem da justiça
 
Comunicamos aos agentes de saúde que entraram com ação na justiça que as audiências estão marcadas. Sendo assim, confiram a lista abaixo. Se constar o nome, favor entrar imediatamente em contato pelo telefone (71) 3027-0951 para maiores informações.

 ADAILTON SANTOS NUNES
 ADELMO LUIS DE JESUS 
ADILTON COSTA 
ADNEILDES DE JESUS SANTOS 
ADRIANA DE SOUSA SANTOS 
ADSON SANTOS FERREIRA 
 AILTON PORTELA DE ARAUJO
 ALAN NORMANDIA DOS SANTOS
 ALDA LOBO LIMA 
ANA CRISTINA NATIVIDADE DOS SANTOS 
ANA LICE SILVA COSTA 
ANA MARIA PEREIRA RIBEIRO 
ANA RITA CALES PEÇANHA 
ANACILDES SILVA COELHO DOS SANTOS 
ANTONIO CARLOS DA SILVA CONCEIÇÃO 
ANTONIO RAIMUNDO FONSECA DE SÁ 
ARLETE CARLA DE JESUS SILVA 
AUCINEIA CHAVES LOPES 
BALBINA PEREIRA LIMA 
BERENILDA SILVA DE JESUS PIMENTEL 
CARLOS ANDRE DOS SANTOS 
CARMEM LUCIA COSTA 
WEBER CASSIA MOREIRA DIAS 
CIDALIA FRANCISCO FERREIRA 
CLAUDIO DIOGENES GONÇALVES 
CLAUDIO SANTOS DA SILVA 
CLEBER ANTONIO JESUS DE BARROS 
CRISTIANO DE JESUS SANTOS 
DAIANE TRINDADE SOUZA 
DALMO SIMAS BRITO 
DENIA LIMA DO NASCIMENTO 
DENIVALDO DOS SANTOS 
DIANA VIREIRA SILVA 
EDIVAN PEREIRA DA SILVA 
EDSON LAZARO NASCIMENTO DA FONSECA 
ELENITA PIMENTEL OLIVEIRA DOS SANTOS 
ELIANE CRISTINE FERNANDES DA COSTA
 ENEIDA SANTOS CONCEIÇÃO ESTEFANO 
LEONARDO NASCIMENTO 
GILBERTO EDMOND SOARES DA SILVA 
GILMAR SANTOS DE PINHO 
HELIONARA ALVES 
JANILDES ROCHA DE JESUS CONCEICAO 
JAQUELINE SANTOS DA CONCEIÇÃO REIS 
JOEL DOMINGOS LAGE FILHO 
JOEL RIBEIRO DE SOUZA 
JORGE LUIS REIS PAIVA 
JORGE UBIRAJARA MARTINS DA SILVA JUNIOR 
JOSE RAIMUNDO FONSECA DA SILVA 
JOSENICE DA SILVA SANTOS LAURICEIA 
FERNANDES DE JESUS 
LUCIANO RIBEIRO ALMEIDA
MARLENE LIMA DA SILVA 
REGINA GABRIELA SANTOS 
 ROBSON ALVES ROCHA 
SIVONEI PEREIRA SILVA 
TELMA NASCIMENTO LIMA 
TEREZA ROSENILDE LOPES PRADO 
UBIRATAN AZEVEDO DOS SANTOS 
WALNEY SANTOS DE JESUS


































5 de junho de 2016

Lenda do boxe, Muhammad Ali morre aos 74 anos


Resultado de imagem para muhammad ali images

A lenda Muhammad Ali não conseguiu sair das cordas desta vez. Na madrugada deste sábado, o tricampeão mundial de boxe peso pesado – para muitos o maior de todos os tempos – morreu aos 74 anos, depois de ser hospitalizado nesta semana em Phoenix (EUA) com problemas respiratórios. A informação foi confirmada pelo porta-voz da família, Bob Gunnell.
“Depois de uma batalha de 32 anos com a doença de Parkinson, Muhammad Ali faleceu aos 74 anos. A família Ali gostaria de agradecer a todos por seus pensamentos, orações e apoio e pede privacidade neste momento”.
Nascido em janeiro de 1942, em Louisville, Kentucky, Cassius Marcellus Clay Jr ficou conhecido pelo seu balé dentro dos ringues, a língua afiada com constantes provocações a adversários e a personalidade forte até para se envolver em questões políticas, sociais e religiosas. Ele conheceu o boxe aos 12 anos. Ainda na adolescência, ingressou em torneios colegiais e conquistou do torneio Luvas de Ouro.
A partir da década de 60, passou a expandir as suas glórias com seu grande talento. Também ganhou o título nacional da União Atlética Amadora e a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Roma, ambos na categoria dos meio-pesados.
Em seguida, ingressou no boxe profissional. Treinado pelo lendário Angelo Dundee, colecionou 19 vitórias seguidas já entre os pesados. Em fevereiro de 1964, derrotou Sonny Liston e conquistou o título mundial pela primeira vez.
Poucos dias depois, ele se converteu ao islamismo e adotou o nome Muhammad Ali.  Em 1967, um golpe duro: a negativa em ir à Guerra do Vietnã lhe rendeu a perda do título mundial e do direito de lutar nos ringues. O retorno veio apenas em 1970.
Em 1971, foi protagonista da chamada Luta do Século, na derrota contra o duríssimo Joe Frazier. Dois anos depois, travou duas batalhas contra Ken Norton, com uma vitória e uma derrota.


Exibir galeria
.
Em 1974, uma série de combates históricos. Primeiro, ganhou a revanche contra Joe Frazier. Em uma luta no antigo Zaire, demonstrou toda a sua técnica e categoria para superar a força de George Foreman, com um nocaute no oitavo assalto, e recuperar o título. Em outubro de 1975, faturou outra batalha contra Frazier, desta vez no 14º assalto.
No fim da década de 70, ainda criou uma rivalidade contra Leon Spinks, com uma derrota e uma vitória e mais um título, antes da paralisação na carreira que durou dois anos. No retorno, já com a idade avançada, colecionou derrotas contra Larry Holmes e Trevor Berbick e, assim, deixou os ringues definitivamente, depois de 56 vitórias (37 nocautes) em 61 combates .
Mas suas lutas não terminaram. Em 1984, foi diagnosticado com Mal de Parkinson, uma doença neurológica, crônica e progressiva, provavelmente em função dos golpes recebidos na carreira. Ainda assim, manteve-se presente com uma importante figura pública no esporte e na sociedade – chegando a tomar partido na Guerra do Golfo.
Na década de 90, Ali recebeu grandes homenagens. Em 1996, foi o responsável por acender a pira dos Jogos Olímpicos de Atlanta. Dois anos depois, teve a nomeação como Mensageiro da Paz pela Organização das Nações Unidas. Em 1999, a revista Sports Illustrated o elegeu como o esportista do século.
Nos últimos anos, as limitações físicas começaram a fazer parte da rotina de Ali, e as presenças públicas passaram a ficar cada vez menores. No fim de 2014 e começo de 2015, teve duas internações em função de uma pneumonia e quadros de infecção urinária. A última ida ao hospital – que determinou sua morte – ocorreu nesta semana, com fãs e familiares reconhecendo a situação delicada do ídolo. No entanto, Ali nunca será esquecido por ter sido um grande campeão dentro e fora do esporte.
yahoo esportes

4 de junho de 2016

Castramóvel atende em junho população das Sete Portas e bairro adjacentes

Não deixe passar essa oportunidade de castrar o seu animal de estimação. O serviço itinerante de castração de cães e gatos, o Castramóvel, da prefeitura de Salvador, permanece esse mês de junho no 14º Centro. O veículo adaptado ficará instalado na Rua Fortunato Benjamin Saback, s/n – Sete Portas (atrás da antiga Rodoviária) atendendo a população local e adjacente de segunda a sexta-feira, das 08 às 12 horas.
Para ter acesso ao serviço, os proprietários devem comparecer ao local munidos do cartão SUS e documento de identificação com foto, além do cartão de vacinação do animal, que deve estar atualizado com vacina aplicada à menos de um ano. É importante salientar, que os animais só poderão ser castrados 10 dias após a aplicação da vacina antirrábica, por isso os interessados devem levá-los ao posto de vacinação com antecedência.
O primeiro procedimento a ser realizado é a triagem dos pets que acontece às segundas e terças-feiras, das 8 às 12 horas. Logo após é marcado o dia da cirurgia de castração, que são realizadas às quartas, quintas e sextas-feiras.
Para efetivação dos procedimentos, os cães e gatos devem ter entre 06 meses a 05 anos de idade. Não poderão ser castrados animais doentes, com infestação de pulgas e/ou carrapatos ou ainda, fêmeas no cio ou gestantes. Cada pessoa interessada pode levar até três animais para serem castrados durante o mês.
No local, serão realizadas até 80 cirurgias gratuitas por dia.

 

Sérgio Machado diz que pagou mais de R$ 70 milhões para Renan, Sarney e Jucá

Sérgio Machado diz que pagou mais de R$ 70 milhões para Renan, Sarney e Jucá
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
O ex-presidente da Transpetro e ex-senador Sérgio Machado disse que pagou mais de R$ 70 milhões desviados da subsidiária da Petrobrás para o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), o senador Romero Jucá (PMDB-RR), o ex-presidente da República José Sarney (PMDB-AP). Segundo o jornal O Globo, os informações foram passadas em depoimentos após o acordo de delação premiada ser fechado. O maior pagamento foi feito para Renan, que recebeu R$ 30 milhões. O presidente do Senado foi o responsável por indicar Machado para o cargo na Transpetro em 2003. Jucá e Sarney receberam cerca de R$ 20 milhões cada.
Bahianotícias

2 de junho de 2016

‘Pílula do câncer’ reduz tumores em camundongos, mostra teste


‘Pílula do câncer’ reduz tumores em camundongos, mostra teste
Foto: Cecília Bastos / USP Imagem
Um estudo feito com 40 camundongos revelou que a fosfoetanolamina, conhecida como pílula do câncer, reduziu em 34% o tamanho de tumores de pele nos animais que a ingeriram diariamente durante 24 dias. Publicada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), a pesquisa foi encomendada pelo governo federal e feita em parceria com o Centro de Inovação e Ensaios Pré-Clínicos (Cienp), de Florianópolis. Para chegar ao resultado, os pesquisadores inseriam no dorso dos animais células cancerígenas semelhantes às que provocam câncer de pele em seres humanos e, no 12º dia após o implante, dividiram os camundongos em dois grupos. Em um deles, os animais receberam doses de 200mg/kg do composto. O outro foi medicado com doses de 500mg/kg da substância. Já o restante dos roedores foi tratado com Cisplatina, medicamento utilizado há mais de 30 anos no combate a tumores, três vezes por semana. Os pesquisadores concluíram que a pílula foi capaz de “retardar de forma significativa o crescimento tumoral”, mas apenas na versão de 500 mg/kg. A versão maior do composto diminuiu o tamanho do tumor em 34%, contra uma redução de 68% do medicamento já usado no combate ao câncer. Já os camundongos que ingeriram 200 mg/kg da fosfoetanolamina não apresentaram redução no tamanho do tumor, com aumento de 14 vezes no tamanho em relação ao primeiro dia de tratamento.
 
Bahianotícias

1 de junho de 2016

Aaces apoia articulação da Conacs com o MS que suspende efeitos da Portaria 958

Após uma intensa negociação com o Mistério da Saúde (MS), a Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias (Conacs) finalmente conseguiu a suspensão da Portaria 958.

O MS já expediu ofício aos secretários de saúde dos estados e municípios comunicando a suspensão. "Isso é prova cabal de que uma mobilização bem articulada pode lograr êxito nas conquistas almejadas pelos agentes de saúde de todo Brasil", afirmou Ubiraci, diretor de comunicação da Associação dos Agentes Comunitários e de Endemias de Salvador (Aaces).

A Aaces já demonstrava preocupação com a possibilidade de os agentes comunitários de saúde (ACSs) serem excluídos da formação da equipe do Programa Saúde da Fámília (PSF) com a publicação dessa portaria. Por isso, incentivou e apoiou a mobilização da Conacs porque acreditava que os direitos dos trabalhadores seriam defendidos.

"Mas não podemos nos desmobilizar, visto que há muito ainda a ser conquistado por esses servidores da saúde", finalizou Enádio, que é presidente da Aaces.
CurtirMostrar mais reações
Comentar