28 de abril de 2016

Contracheque está disponível;salário, em "lançamentos futuros"

Atenção, agentes de saúde: o salário já se encontra "em lançamentos futuros", e o contracheque on-line já está disponível.


27 de abril de 2016

Câmara aprova lei que amplia Reda de 2 para 4 anos em Salvador


Câmara aprova lei que amplia Reda de 2 para 4 anos em Salvador
Foto: Max Haack/ Ag. Haack/ Bahia Notícias
A Câmara Municipal de Salvador (CMS) aprovou, nesta quarta-feira (27), o projeto de lei complementar que amplia de dois para quatros anos os contratos do Regime Especial de Direito Administrativo (Reda) dos servidores da Educação. A proposta do vereador Cláudio Tinoco (DEM) foi aprovada pela maioria dos vereadores, apesar de Hilton Coelho (PSOL) questionar a lei, que segundo ele permitiria a precarização do trabalho. Segundo Tinoco, a proposta teve duas motivações: “Quando trabalhei na secretaria de Educação do Estado, nós ampliamos o contrato de Redas de um ano e seis meses para quatro anos. Isso diminuiu os problemas de contratação de pessoas. Depois, vimos que os ciclos educacionais nas escolas municipais têm quatros anos, então os professores vão poder formar uma geração inteira”. Ainda assim, a líder da oposição, Aladilce Souza (PCdoB), afirmou que irá apresentar um projeto de indicação pedindo um concurso para a área.
Bahianotícias

26 de abril de 2016

Na luta pelo Piso Nacional

O setor jurídico da AACES está entrando com uma ação na justiça requerendo, além do Piso Nacional, o retroativo, sendo que se faz necessário que cada servidor solicite a ação individualmente. Para isso, é necessário levar a cópia dos seguintes documentos: RG, CPF, comprovante de residência e os três últimos contracheques.

Lembrando que os contracheques podem ser impressos na sede da AACES.

Direção da AACES

Ministério da Saúde confirma 1.365 casos de H1N1 no país; mortes chegam a 230

A boa notícia é que ritmo de aumento de registros da doença começa a cair

Foto: Agencia Brasil
Brasília - O ritmo de aumento de casos de H1N1 registrados no país começa a cair. Foram contabilizados até sábado, dia 23, um total de 1.365 infecções provocadas por esse subtipo do vírus influenza, 34% a mais do que o indicado semana anterior. Apesar disso, no boletim passado, o aumento entre uma semana e outra havia sido significativamente maior: 47%.
O crescimento das mortes, no entanto, não acompanhou a mesma tendência. Foram contabilizados até agora 230 óbitos em decorrência da infecção, 50,3% a mais do que indicado no informe anterior.

A queda dos números gerais se dá sobretudo pela redução da velocidade de expansão de casos em São Paulo, Estado que concentra o maior número de registros. Nas cidades paulistas, foram identificados 883 casos de H1N1, 23,4% a mais do que o indicado no boletim anterior.

A doença, no entanto, começa a se espalhar por outros Estados. Em Santa Catarina, o segundo em número de registros, os indicadores passaram de 86 para 102 em uma semana. Goiás, por sua vez, passou de 29 para 62 no mesmo período. Ao todo, 20 Estados confirmaram casos da doença.

Estado de Minas

Prazo para vacinação contra H1N1 será ampliado em Salvador

Nova data de vacinação na capital será até 30 de maio; Campanha Nacional seguirá até dia 20


A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) vai prorrogar até 30 de maio o prazo para a vacinação contra a gripe influenza A (H1N1) em Salvador. A medida, segundo Doiane Lemos, chefe de imunização da SMS, ocorrerá para atender o contingente populacional a ser vacinado no município. Até o momento 124 mil pessoas receberam a vacina. A estimativa é de que 615 mil pessoas sejam imunizadas.
Já a vacinação nos demais municípios da Bahia, segundo informações da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), deverá seguir o calendário nacional de vacinação, que segue até o dia 20 de maio. No próximo sábado (30) ocorrerá o Dia “D” em todo o país. Ainda conforme a Sesab, os municípios possuem autonomia para ampliarem o prazo de vacinação, caso seja necessário. 
Idosos enfrentam longas filas no 5º Centro, média de atendimento é de 2 mil pessoas
(Foto: Mauro Akin Nassor/CORREIO)
Na rede pública de saúde, será atendido o grupo de risco que compreende idosos a partir de 60 anos, crianças de seis meses a menos de 5 anos, trabalhadores da saúde, grávidas e mulheres até 45 dias após o parto, indígenas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis, presos, funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos que estão sob medidas socioeducativas.
No dia D, além dos postos de saúde, a imunização ocorrerá em pontos de grande movimentação como shoppings e estações de ônibus.  Ontem, o Ministério da Saúde divulgou um novo balanço da doença no país, que aponta 230 mortes relacionadas à gripe A, um aumento de 50% em relação aos dados da semana anterior. Na Bahia, são oito mortes, duas a mais que no último relatório divulgado pela Sesab.
Correio da Bahia

25 de abril de 2016

Bancos agora permitem abrir e fechar contas pela internet

Agência Brasil

As mesmas regras das contas convencionais são válidas para as abertas por meio eletrônico - Foto: Diego Mascarenhas | Ag. A TARDE | Arquivo

Os clientes bancários agora podem abrir ou fechar contas bancárias, como conta-corrente e de poupança, usando a internet. O Conselho Monetário Nacional (CMN) regulamentou as regras para abertura e fechamento de contas de depósitos por meio eletrônicos. A reunião do CMN foi realizada na última sexta-feira, 22, mas o BC divulgou as novas normas nesta segunda-feira, 25.
Segundo o Banco Central (BC), os bancos terão que adotar procedimentos e controles que permitam confirmar a autenticidade dos documentos eletrônicos e podem usar tecnologias como contato por vídeo, de reconhecimento de voz e assinaturas com certificação eletrônica.
As regras já estão valendo. "O objetivo é permitir que haja facilidade maior para abertura e encerramento de contas e incorpore nesse processo toda a inovação tecnológica", disse nesta segunda a chefe do Departamento de Regulação do Sistema Financeiro do BC, Silvia Marques.
As mesmas regras das contas convencionais são válidas para as abertas por meio eletrônico, como as relativas à situação cadastral, tarifas, prevenção à lavagem de dinheiro e ao financiamento ao terrorismo.
O CMN também aprovou resolução que proíbe a recusa de atendimento em caixas convencionais de clientes de outro banco. Ou seja, se um cliente de um banco for a um caixa pagar um boleto, por exemplo, em outra instituição financeira, terá que ser atendido. A exceção é para os casos de pagamento de cheques, boletos vencidos e convênios que prevêem o pagamento específico em um banco. Segundo Silvia Marques, a resolução esclarece as regras é resultado de reclamações de clientes que não foram atendidos no caixa.
Crédito
Outra medida aprovada pelo CMN é a que facilita a captação de recursos pelo banco para oferecer crédito imobiliário e para o agronegócio. Agora, os bancos podem comprar Certificados de Recebíveis imobiliários e de Recebíveis do Agronegócios, oferecidos por companhias securitizadoras ligadas à instituição compradora.
A tarde

Ampliação do Reda será votada quarta-feira na Câmara

A Câmara Municipal de Salvador vai votar nesta quarta-feira, 27, o Projeto de Lei Complementar (PLC) 01/2016, que visa aumentar o prazo de contratação pelo regime especial de direito administrativo (Reda), pela prefeitura da capital baiana, de dois para quatro anos.
Para o vereador Claudio Tinoco (DEM), autor do projeto, a medida traz benefícios para a adaptação profissional. "A ampliação do prazo auxilia na adaptação do profissional, que terá mais tempo para colocar em prática tudo que aprendeu ao longo dos dois primeiros anos, melhorando o ensino oferecido aos estudantes. Este, sem dúvidas, é um passo muito importante para a educação municipal", frisa.
Segundo o democrata, a ampliação do prazo culminaria em resultados positivos tanto econômicos quanto educacionais. Isso porque, ele afirma, possibilitaria à administração pública gerir melhor os contratos, em virtude da natureza jurídica temporária e da submissão ao regime jurídico administrativo, não necessitando de renovações, tampouco de contratos sucessivos emergenciais que são considerados inconstitucionais.
De acordo com Tinoco, "os ciclos educacionais nas escolas municipais têm quatros anos, então os professores vão poder formar uma geração inteira".
Fonte. A tarde

Ação na Justiça: abaixo, lista de agentes com documentação incompleta

Lista dos agentes cuja documentação esta pendente:

Aurina Tito das neves               982157          Comprovante de residência ( a servidora esqueceu o pendrive)

Janquele gomes Ramos Santos 984381          RG – CPF-Comprovante de residência-contra cheque

Isis santos sacramento              985726          Comprovante residência

Marcio anunciação dos reis      984285         Comprovante residência

Janice Souza  carvalho de jesus 984381        Comprovante residência

Alexsandra silva dessa              986992         Procuração

Esses servidores devem ir à sede da Associação, até o dia 29 de abril de 2016, para regularizar sua situação, de modo que o setor jurídico possa entrar com ação requerendo o período em que os agentes de saúde não recebiam as gratificações.

OUVIDORIA DA AACES: NOSSOS ASSOCIADOS NÃO ESTÃO SÓS





A Diretoria da Associação dos Agentes Comunitários e de Combate às Endemias de Salvador (Aaces) vem recebendo dezenas de denúncias contra supervisores de equipe e gerais, como também de gerentes de unidades de saúde, principalmente em relação  ao período de greve, na qual servidores que serão agraciados com o fruto da luta  vêm praticando atos antissindicais, que vão de encontro ao direito dos trabalhadores.

Portanto, aos supervisores e gerentes que não praticam assédio moral, que não querem impor que os servidores assinem com o código 31, quando existe uma norma técnica que diz que greve e assembleias é para ser usado o código 41 e que não ficam ligando para cobrar o retorno dos colegas ao trabalho, podem ficar tranquilos (as); agora aos que praticam terão que responder ao   Processo Administrativo Disciplinar (PAD).

Desse modo, os agentes de saúde interessados em denunciar deverão entrar em contato com a Diretoria da AACES para fazer um agendamento,  porque o atendimento inicial será feito por um psicólogo e depois remetido aos nossos  advogados. 

24 de abril de 2016

OUVIDORIA DA AACES: NOSSOS ASSOCIADOS NÃO ESTÃO SÓS




A Diretoria da Associação dos Agentes Comunitários e de Combate às Endemias de Salvador (Aaces) vem recebendo dezenas de denúncias contra supervisores de equipe e gerais, como também de gerentes de unidades de saúde, principalmente em relação  ao período de greve, na qual servidores que serão agraciados com o fruto da luta  vêm praticando atos antissindicais, que vão de encontro ao direito dos trabalhadores.

Portanto, aos supervisores e gerentes que não praticam assédio moral, que não querem impor que os servidores assinem com o código 31, quando existe uma norma técnica que diz que greve e assembleias é para ser usado o código 41 e que não ficam ligando para cobrar o retorno dos colegas ao trabalho, podem ficar tranquilos (as); agora aos que praticam terão que responder ao   Processo Administrativo Disciplinar (PAD).

Desse modo, os agentes de saúde interessados em denunciar deverão entrar em contato com a Diretoria da AACES para fazer um agendamento,  porque o atendimento inicial será feito por um psicólogo e depois remetido aos nossos  advogados. 

23 de abril de 2016

Anatel proíbe limite de acesso à internet de banda larga fixa por período indeterminado


Anatel proíbe limite de acesso à internet de banda larga fixa por período indeterminado
Foto: Marcos Santos / USP Imagens
As operadoras estão proibidas de limitar o acesso à internet de banda larga fixa, por período indeterminado. A decisão foi tomada pelo Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) nesta sexta-feira (22), dias após o órgão ter determinado o cumprimento da ordem em caráter preventivo. De acordo com o G1, a proibição valerá até que o Conselho da Anatel julgue a questão, o que não tem data para acontecer. Com isso, as operadoras estão proibidas de reduzir a velocidade, suspender o serviço ou cobrar pelo tráfego excedente nos casos em que os consumidores utilizarem toda a franquia contratada, ainda que tais ações sejam cláusulas contratuais. A Anatel justifica a medida considerando que mudanças na cobrança desses serviços têm de ser feitas sem ferir os direitos do consumidor. A limitação da internet de banda larga fixa gerou polêmica nas últimas semanas, após a informação de que operadoreas querem oferecer novos planos com restrição de download e suspensão do serviço quando for atingida uma determinada quantidade de serviços e arquivos baixados. Atualmente, o serviço é cobrado conforme velocidade de navegação contratada, sem limite de uso da internet.
Bahia Notícias

22 de abril de 2016

Cantor Prince morre aos 57 anos


cantor prince claudia

O corpo foi encontrado em sua casa no estado norte-americano de Minnesota nesta quinta-feira (21)

O cantor Prince morreu, nos Estados Unidos, aos 57 anos. O corpo dele foi encontrado em casa, no estado de Minnesota, onde também funciona o seu estúdio. A causa do falecimento ainda não foi divulgada.
A informação foi confirmada pela assessoria do cantor à agência de notícias Associated Press. Inicialmente, apenas havia sido reportado que a polícia encontrara alguém desacordado na residência do astro, mas sem afirmações de que seria o cantor.
No último dia 15, Prince chegou a dar entrada em um hospital em estado de emergência - inclusive, por isso, seu jatinho precisou pousar em Illinois. Entretanto, no dia seguinte, garantiu aos fãs, durante um show, que estava bem.
Carreira

Prince Rogers Nelson ganhou o mundo nos anos 1980 com o álbum "Purple Rain" (1984), considerado um dos melhores discos de todos os tempos. 

Ao longo de sua trajetória, foi mencionado por muitos como um dos maiores ícones da música pop. Os números comprovam: o astro vendeu mais de 100 milhões de álbuns e 60 milhões de singles, além de ganhar sete Grammys e um Oscar - Purple Rain levou o prêmio da academia por Melhor Canção Original em 1985.

Aqui no Brasil, fez duas apresentações no Rock in Rio, nos dias 18 de janeiro e 23 de janeiro de 1991, chamadas de "memoráveis" pelos fãs. Sua terceira apresentação em terras tupiniquins seria em agosto de 2011, mas foi cancelada.
Fonte. Claudia

Após sugestão popular, proibição do limite para internet pode virar lei

por Isabela Bonfim | Estadão Conteúdo
Após sugestão popular, proibição do limite para internet pode virar lei
Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado
Bastaram seis dias para que a ideia de pôr fim ao limite ou corte de velocidade à internet residencial alcançasse o apoio de mais de 20 mil pessoas. Por meio do Portal e-Cidadania, do Senado, a população reuniu as assinaturas onlines necessárias para transformar a ideia em uma Sugestão Legislativa que vai tramitar no Senado. A Sugestão Legislativa é uma contribuição popular. Ela precisa ser avaliada em comissões do Senado para, depois, se tornar um projeto de lei. A Sugestão Legislativa que proíbe o corte de acesso à internet será examinada pela Comissão de Direitos Humanos. O assunto da limitação da internet banda larga gerou grande mobilização nas redes sociais após algumas operadoras anunciarem que passarão, a partir de 2017, a cortar o acesso dos usuários que atingirem o limite de sua franquia de dados e oferecerão pacotes com franquias diferenciadas. O serviço seria semelhante ao que já é oferecido pela internet móvel, usado em aparelhos de celular, por exemplo. Na segunda-feira (18) a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) suspendeu por 90 dias a implementação do corte e determinou que as operadoras informem os usuários sobre seus planos. No entanto, o presidente da agência reguladora, João Rezende, disse, em entrevista à imprensa, que as operadoras não têm mais condição de oferecer internet ilimitada. O anúncio das operadoras de banda larga também incomodou alguns senadores. Walter Pinheiro (Sem Partido-BA), um dos principais líderes no Congresso para a aprovação do Marco Civil da Internet - lei que destacou o Brasil mundialmente em 2014 -, vê como mais um absurdo o anúncio das operadoras. "As operadoras já tinham adotado uma postura dessa na internet móvel. Agora é adotar efetivamente uma postura de cerceamento, uma violência ao Marco Civil da Internet, que é, na prática, você começar a limitar o uso da Internet. É uma forma dissimulada de dizer que não estão cortando o conteúdo, que eu estão cortando uma quantidade de dados, mas isso é cortar conteúdo", afirmou o senador. Na manhã desta quarta-feira, 20, senadores aprovaram um requerimento para a realização de uma audiência pública para discutir o tema. As comissões de Serviços de Infraestrutura, do Meio Ambiente, e de Ciência e Tecnologia vão se reunir para discutir as providências que devem ser tomadas para evitar problemas apontados pelos consumidores. Serão convidados Eduardo Moreira, presidente da SindiTelebrasil, que representa as empresas de telefonia, além de representantes da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), do Ministério das Comunicações e de órgãos de defesa do consumidor, como o Procon de Goiás e o Proteste. A data para realização da audiência pública ainda não foi definida.
Bahia noticias

20 de abril de 2016

Vacinação contra H1N1 em Salvador será suspensa durante feriadão de Tiradentes


Vacinação contra H1N1 em Salvador será suspensa durante feriadão de Tiradentes
Foto: Reprodução / Osnei Restio
O soteropolitano interessado em se vacinar contra o vírus H1N1 terá de aguardar até a próxima segunda-feira (25) para se imunizar. De acordo com informações da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), os postos de saúde da capital baiana não funcionarão nesta quinta (21) e sexta-feira (22), em virtude do feriado de Tiradentes e do benefício de ponto facultativo para os funcionários municipais, respectivamente.  Os postos de saúde naturalmente não realizam vacinação aos sábados. A vacinação contra H1N1 na capital baiana foi iniciada na segunda- feira (18) com foco na vacinação de idosos a partir 60 anos, trabalhadores da saúde, crianças com idade entre seis meses e cinco anos, gestantes, mulheres que deram à luz há até 45 dias, portadores de doenças crônicas, população privada de liberdade e povos indígenas. Para se vacinar, é preciso apresentar carteira de identidade e de vacinação. A SMS orienta que em caso de portador de doença crônica, é necessário apresentar também um documento que comprove a enfermidade.
Bahia Notícias

19 de abril de 2016

Começa vacinação contra H1N1 na Bahia e segue até 20 de maio

SAÚDE

Vacinação contra H1N1 começa hoje (18) na Bahia e segue até 20 de maio

A imunização está disponível em todos os postos de saúde da capital e interior e é voltada apenas para os grupos vulneráveis

Terá início nesta segunda-feira (18), em todo estado, de forma antecipada a vacinação contra a gripe H1N1. A imunização está disponível em todos os postos de saúde da capital e interior e é voltada apenas para os grupos vulneráveis. Ou seja, especificamente crianças com faixa etária entre os seis meses e os cinco anos, idosos, gestantes, portadores de doenças crônicas (neuropatas, cardiopatas, renais crônicos, asma moderada ou grave, hipertensão arterial pulmonar, hepatites crônica), Portadores de Síndrome de Down, transplantados, trabalhadores da saúde, populações indígenas e carcerária.
Esse ano, a Bahia estende o calendário vacinal contra a H1N1 até 20 de maio. De acordo com a chefe do setor de imunização da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Doiane Lemos, na capital baiana, 615 mil pessoas deverão ser imunizadas. 
"Para alcançar nossa meta, disponibilizamos 936 salas de vacinação para a população, além de estratégias especiais que serão montadas em shoppings, asilos, hospitais e até mesmo em domicílios. Tudo para que os grupos tenham o acesso facilitado”, garante a representante da SMS. Ela ressalta que as pessoas não precisam buscar locais centrais na esperança de garantir a imunização e que o mais indicado é buscar os postos de vacinação mais perto das residências.  
O coordenador Estadual de Imunização Ramon Saavedra afirma que a meta de vacinação deve ser atingida antes mesmo da finalização da campanha, mas que a antecipação permitirá que todos os grupos tenham acesso à vacinação sem necessidade de atropelos.

“Nossa meta é evitar internamentos e mortes causadas pelo vírus”, completa. A vacina também está disponível na rede privada para os indivíduos que não se enquadrarem nos pré-requisitos de uso na rede pública. Este ano, a população estimada para vacinar é de 3.269.328 pessoas de todos os grupos prioritários na Bahia.
Para a vacinação, a Bahia contará com 25 mil trabalhadores do SUS e voluntários. Serão utilizados 4.500 veículos e 3.600 serviços de saúde e postos de vacinação estarão vacinando os grupos prioritários. “A nossa meta, determinada pelo Ministério da Saúde, é vacinar pelo menos, 80% de cada grupo prioritário, num total de 2.602.346 pessoas”, explica Saavedra.
No ano passado, 81% da população estimada foi vacinada e 286 municípios alcançaram o percentual preconizado de imunizar 80% de sua população alvo. Para garantir a vacinação na rede pública, o portador de patologias crônicas deve apresentar qualquer tipo de comprovação do quadro clínico, seja receita de medicação, prescrição médica ou mesmo exames.
A diretora do Hospital Couto Maia, a infectologista Ceuci Nunes ressalta que a vacina é feita com vírus mortos e pode ser aplicada em qualquer pessoa acima dos seis meses de idade, no caso da vacina trivalente, e três anos para a vacina tetravalente.
“A restrição vale apenas para os que possuem alergias aos componentes da vacina”. Uma dica para evitar qualquer desconforto é deixar a musculatura relaxada para evitar contraturas, além de estar atento às orientações dos profissionais de saúde que forem aplicar o imunizante.
Correio da Bahia

OUVIDORIA DA AACES: NOSSOS ASSOCIADOS NÃO ESTÃO SÓS



A Diretoria da Associação dos Agentes Comunitários e de Combate às Endemias de Salvador (Aaces) vem recebendo dezenas de denúncias contra supervisores de equipe e gerais, como também de gerentes de unidades de saúde, principalmente em relação  ao período de greve, na qual servidores que serão agraciados com o fruto da luta  vêm praticando atos antissindicais, que vão de encontro ao direito dos trabalhadores.

Portanto, aos supervisores e gerentes que não praticam assédio moral, que não querem impor que os servidores assinem com o código 31, quando existe uma norma técnica que diz que greve e assembleias é para ser usado o código 41 e que não ficam ligando para cobrar o retorno dos colegas ao trabalho, podem ficar tranquilos (as); agora aos que praticam terão que responder ao   Processo Administrativo Disciplinar (PAD).

Desse modo, os agentes de saúde interessados em denunciar deverão entrar em contato com a Diretoria da AACES para fazer um agendamento,  porque o atendimento inicial será feito por um psicólogo e depois remetido aos nossos  advogados. 

18 de abril de 2016

Conacs elege nova presidenta e organiza mobilização nacional para maio



Nos últimos dias 11, 12 ,13 e 14 de abril, a Confederação Nacional  dos Agentes Comunitários de Saúde (Conacs) realizou o VI Congresso da Conacs  em Fortaleza. O encontro tinha como objetivo principal discutir  a organização sindical e o plano de carreira dos  agentes de saúde. Isso porque, apesar da publicação da Lei 12.994, de 17 de julho de 2014, a implementação dela, na maioria absoluta dos municípios, é algo longe de ser realidade. Salvador é um exemplo disso, município no qual o prefeito ACM Neto insiste em não querer cumprir a lei, embora os recursos federais já estejam nos cofres da prefeitura. Outras cidades já pagam o piso, mas ainda não criaram o plano de carreira.


O evento também elegeu Ilda Angélica Correia como a nova presidenta da Conacs.  Além disso, foi deliberado também que em 18 de maio ocorrerá uma reivindicação a nível nacional.

"Finalmente teremos uma mobilização nacional. Portanto, trata-se de um movimento de extrema importância para expor as reivindicações e as mazelas que acometem os agentes de saúde de todo Brasil", comentou Enádio, presidente da Associação dos Agentes Comunitários  e de Endemias de Salvador (Aaces) .

16 de abril de 2016

AS FACES DE UMA GUERREIRA, QUE ATENDE AOS SEUS PELO NOME MARRI



Nessa greve muitos trabalhadores estavam na luta, sem tirar o mérito de ninguém, mas gostaríamos de destacar uma agente de combate ás endemias  mulher guerreira que deixou sua marca com um discurso que arrepiava alguns e fazia outros chorarem de emoção, polêmica, verdadeira, fiel e leal a sua causa na defesa dos trabalhadores, essa é Marizete Pirres, ou simplesmente MARRI. Parabéns guerreira você foi um exemplo nessa greve DEUS é contigo.

A direção da AACES 






A LUTA NÃO ACABOU, PISO NACIONAL A HORA É ESSA




Depois de vencermos a arrogância e a truculência do prefeito ACM Neto, em descontar os dias dos trabalhadores no mês passado e querer cortar o desse mês, podemos dizer que ele não conseguiu, porque a força dos agentes de saúde junto com outros servidores foram mais forte.



Saímos sem o nosso tão sonhado piso nacional, mas saímos de cabeça erguida e honrados (as) pela luta que não foi fácil, e só quem lá estavam sabe do que estamos falando, num universo de 3.800 entre ACS e ACE tinha apenas 200 nas trincheiras das batalhas, mas podíamos não ter um quantitativo, mais tínhamos o melhor, o qualitativo.



Somos uma entidade que vem escrevendo sua historia na categoria, foi assim no concurso, na mudança de regime e na retida dos horários nos FAD, s e no horário ininterrupto, e mesmo fazendo greve, jamais deixamos os trabalhadores com prejuízos financeiros, porque quem estava na nossa greve teve seu desconto do mês de Março devolvido hoje na sua integralidade, e os 15 dias de Abril serão abonados.




Em Maio vamos saber a proposta da gestão em relação ao nosso piso nacional, mas enquanto isso a mobilização continua, gostaríamos de aproveitar para agradecer aos ACS e ACE, s que diariamente estavam conosco lutando, pra você que muitas vezes não sabemos nem o nome, mas que garantiu que a força do opressor não fosse maior que o trabalhador, segurando a bandeira da luta até o fim, PARABÉNS COLEGAS, o que seria das lideranças sindicais sem a força dos trabalhadores, que DEUS abençoe a todos.

MAIOR QUE A TRISTEZA DE NÃO CONSEGUIR O PISO
É A VERGONHA DE NÃO TER TENTADO...

Direção da AACES

Após intensa batalha travada com o governo ACM Neto, servidores de Salvador encerram greve



Foram 30 dias de paralisação. Nesse período, os servidores municipais de Salvador realizaram várias mobilizações por toda cidade. Houve assembleias, caminhadas e protestos no único intuito de defender o direito dos trabalhadores ao reajuste salarial e à implantação do piso salarial nacional dos agentes de saúde. Não faltaram ameaças de policiais e da própria gestão quando reteve o salário dos trabalhadores como represália à participação na greve, como se a greve não fosse um direito constitucionalmente garantido a todo trabalhador.


Esforço vão, porque, onde abundavam ameaças superabundavam garra, coragem e persistência, tanto dos sindicalistas quanto dos funcionários públicos municipais que aderiram ao movimento paredista para enfrentar a intransigência do prefeito ACM Neto. Mesmo com recuo de muitos trabalhadores e o fechamento da Mesa de Negociação, a Associação dos Agentes Comunitários e de Endemias de Salvador (Aaces) e o Sindicato dos Servidores da Prefeitura do Salvador (Sindseps), bem como as demais entidades de base, mantiveram-se firmes e motivados, uma vez que a reivindicação era justa e legal.


Talvez o momento mais delicado para toda a categoria foi quando começaram a sair as liminares que beneficiavam a gestão em detrimento dos grevistas. Ainda assim, os trabalhadores não se deixaram intimidar pela prefeitura e partiram para cima, para o tudo ou nada. Recuar nessa altura do campeonato traria efeitos nefastos para as futuras lutas. Pressão total e a gestão se viu obrigada a abrir a Mesa de Negociação.


O reajuste salarial e a implantação do piso salarial nacional dos agentes de saúde foram adiados, possivelmente devem ser rediscutidos no mês de maio. No entanto, o salário, ou melhor, parte do salário bloqueada já está nas contas dos servidores, e os dias paralisados serão abonados. Foi o objetivado? Com certeza, não! Mas, dentro das circunstâncias presentes, o que pôde ser alcançado.


O mais importante, porém,  foi o fato de todo movimento paredista ter  sido conduzido com responsabilidade, uma vez que a maior preocupação sindical, seja qual fosse o resultado final, era não produzir um resultado que pudesse prejudicar os servidores. Isso foi alcançado.



No momento, foi necessário dar uma pausa na luta, mas a batalha continua no mês de maio. Enfim, ficam os agradecimentos a todos os servidores que fizeram a luta juntos e decidiram juntos, tanto pela continuação da greve quanto pelo encerramento dela. Isso porque só existem associação e sindicato se existirem trabalhadores que neles confiem. A luta continua, companheiros!

15 de abril de 2016

Acaba greve dos servidores municipais de Salvador

Hoje à tarde (15) foi realizada uma Mesa de Negociação entre a gestão e os representantes dos servidores, na qual houve um acordo para o encerramento da greve. Dentre os pontos acordados, ficou decidido que o salário bloqueado estará na conta amanhã e os dias paralisados serão abonados. Maiores informações, daqui a pouco neste blog.

14 de abril de 2016

OUVIDORIA DA AACES, NOSSOS ASSOCIADOS NÃO ESTÃO SÓ



A direção da AACES vem recebendo dezenas de denuncias contra supervisores de equipe, gerais como também de gerentes de unidades de saúde, principalmente em relação a greve em curso, onde servidores que serão agraciados com o fruto da luta,  vem praticando atos anti sindicais que vai de encontro ao direito dos trabalhadores.

Por tanto aos supervisores e gerentes que não praticam assédio moral, que não querem impor que os servidores assinem com o código 31 quando existe uma norma técnica que diz que greve e assembleias é para ser usado o código 41 e que não ficam ligando para cobrar o retorno dos colegas ao trabalho, podem ficar tranquilos (as), agora aos que praticam terão que responder no PAD Processo Administrativo Disciplinar.

Agentes de saúde interessados em denunciar deveram entrar em contato com a direção da AACES para fazer um agendamento,  porque o atendimento inicial será feito por um Psicólogo e depois remetido para o nossos  advogados. 

Gestão abre Mesa de Negociação, mas greve continua



Os servidores municipais em greve realizaram assembleia em frente à Secretaria Municipal de Gestão (Semge) na manhã desta quinta-feira (14). Os trabalhadores estão paralisados desde o dia 15 de  março e reivindicam reajuste salarial de 17% mais a implantação do piso salarial nacional dos  agentes de saúde. Além disso, exigem o desbloqueio da parte do salário retida pelo prefeito ACM Neto em represália à participação dos funcionários na greve, mesmo após liminar da justiça ter determinado o pagamento imediato dos salários.


Após intensa mobilização do movimento paredista, a gestão teve que abrir a Mesa de Negociação. Amanhã (15), às 9h30min, está agendada uma reunião com a secretária de Gestão, Sônia Magnólia, e os representantes da categoria.  Em seguida, às 14h, na quadra de esportes do Ginásio dos Bancários, no Largo dos Aflitos, ocorre uma assembleia para apresentar a contraproposta da gestão para ser avaliada pelos grevistas.


"Sempre buscamos o diálogo e a negociação, embora ACM Neto preferisse a intransigência. Mas parece que Neto agora entendeu que o caminho é sentar à mesa e conversar", finalizou Paulo, diretor da Associação dos Agentes Comunitários e de Endemias de Salvador (Aaces). 



13 de abril de 2016

Servidores mantêm greve e fazem assembleia amanhã na SEMGE




Em greve desde o dia 15 de março, os servidores municipais de Salvador realizaram assembleia, na manhã desta quarta-feira (13), em praça em frente ao Shopping Bahia (antigo Iguatemi). Os grevistas avaliaram o movimento paredista e decidiram fazer uma nova assembleia em frente à Secretaria Municipal de Gestão (Semge) amanhã (14), às 8h.



Os trabalhadores seguem firmes com a paralisação e esperam que o prefeito ACM Neto deixe de ser intransigente e abra o canal de negociação.


Os funcionários da prefeitura reivindicam reajuste de 17% mais a implantação do piso salarial nacional dos agentes de saúde, uma vez que os recursos federais já se encontram nos cofres da prefeitura. Além disso,  exigem o pagamento da parte do salário retida em represália à participação dos servidores na greve.


"Nossa reivindicação é justa e legal, por isso não podemos aceitar a retenção de nossos salários", afirmou uma agente de combate às endemias.


Até o momento a Prefeitura de Salvador não fez nenhuma sinalização para atender às reivindicações dos trabalhadores.

12 de abril de 2016

Feira de Santana: Agentes de endemias iniciam greve por tempo indeterminado, parabéns aos colegas de Feira

Os agentes de endemias de Feira de Santana deflagraram greve em assembleia realizada na tarde de ontem (11), porém iniciaram o movimento na manhã de hoje (12). De acordo com o presidente do sindicato dos agentes de endemias, Roberto Carvalho, um ato está marcado para acontecer na tarde de hoje em frente a prefeitura de Feira.Os agentes de combate às endemias ainda não foram contemplados no município com o pagamento do piso nacional e foram à Câmara de Feira para reivindicar um projeto de lei que os garanta o ajuste. Os profissionais recebem R$ 880,00, mas por lei federal deveriam receber R$ 1.014,00.Líder do Executivo na Casa, o vereador José Carneiro (PSDB), falou ao Acorda Cidade que a prefeitura ainda não paga o piso nacional pois o governo federal não envia recursos que contemple a todos os agentes. “O governo federal repassa o suficiente para pagarmos o piso a apenas 226 agentes, mas em Feira são 390 trabalhadores”, disse o vereador acrescentando que não existe possibilidade em arcar com a diferença.O vereador Beldes Ramos (PT), lamentou que o projeto aprovado na Câmara não contemple os agentes de endemias, pois em várias cidades do país as duas categorias foram beneficiadas com o cumprimento do piso nacional, como garante lei federal.
Agentes de Saúde
Na sessão desta terça-feira (12), foi aprovado em primeira discussão o projeto de lei (PL) que garante aos agentes comunitários municipais de saúde o pagamento do piso nacional da categoria. Com a mudança passarão a receber os R$ 1.014,00. (Acorda Cidade)

Servidores em greve fazem protesto "silencioso" em reinauguração de multicentro de saúde na Liberdade



Há 29 dias paralisados, os servidores municipais de Salvador fizeram protesto "silencioso" durante a reinauguração do Multicentro de Saúde Liberdade - Prof. Bezerra Lopes no bairro da Liberdade. Os trabalhadores recepcionaram o prefeito ACM Neto de costas e com vários cartazes reivindicatórios.


Os grevistas exigem os 40% descontados do salário em represaria à participação na greve, além de reajuste salarial de 17% mais a implantação imediata do piso salarial nacional dos agentes de saúde, cuja verba da União já está nos cofres da prefeitura.


AVANÇO

Com intermediação do Ministério Público Estadual (MPE), ACM Neto começa a sinalizar com uma contraproposta. Aguarda-se para hoje uma possível Mesa de Negociação entre os representantes da categoria e a gestão.


PRÓXIMA ASSEMBLEIA

Amanhã, dia 13, os servidores  se reúnem, em assembleia, na Praça do Iguatemi, às 8h. "Esperamos que a gestão apresente uma contraproposta à categoria", afirmou Cássia, diretora da Associação dos Agentes Comunitários e de Endemias de Salvador (Aaces).