31 de julho de 2011

ILHEUS: AGENTES DE SAÚDE SE CAPACITAM PARA ATUAR EM TRANSPLANTES


Foto: Clodoaldo Ribeiro
Curso para ajudar na capitação de órgãos para transplantes




As equipes de Postos de Saúde da Família (PSF) e do Programa de Agentes Comunitários de Saúde (PACS) da zona urbana de Ilhéus participaram nesta quinta-feira (28) do Treinamento no Processo Doação Transplante de Órgãos de Terceiros. O evento foi realizado no auditório da Justiça Federal, em dois turnos:turma I, das 8 horas às 11horas 30min, e turma II, 13h30min às 16h30min.

O evento faz parte do Encontro de Transplantes e Doação de Órgãos e Tecidos, realizado no período de 26 a 28 de julho, pelas secretarias municipais da Saúde de Ilhéus e Itabuna, Coordenação do Sistema Estadual de Transplantes (Coset), e Central de Transplantes da Bahia (CNCDO). O encontro tem como objetivo proporcionar a conscientização da sociedade acerca do Programa de Transplante e Doações de órgãos.
A palestra da capacitação desta quinta-feira foi realizada pela enfermeira responsável pela Organização de Procura de Órgãos e Tecidos (OPO) de Ilhéus e Itabuna,

Daniela Navarro, que abordou o processo de doação de órgãos citando o que é, como acontece, como funcionam as listas de esperas, entre outras temáticas. Segundo Daniela, a intenção é que os agentes comunitários se tornem multiplicadores da idéia de doação.
A OPO faz parte da política Nacional de Transplantes, e possui como objetivo aumentar o número de doações/transplantes em todo país. Eles atuam de forma regionalizada por área de abrangência e perfil das unidades hospitalares. A OPO Sul atua nas cidades de Ilhéus e Itabuna, e é composta por médicos e enfermeiros especializados.

"Como os agentes possuem um contato direto com a população, é importante que eles disseminem essa idéia, mobilizem e esclareçam sobre a doação e transplante de órgãos", afirmou a enfermeira. Ela disse, ainda, que o índice de negativa familiar para a doação de órgãos de pessoas falecidas ainda é alto, porque muitas pessoas desconhecem o processo. "É preciso informar a população sobre a importância deste ato, pois a fila de espera por doações aumenta a cada dia".

Eduardo Santos, de 51 anos, é agente comunitário no bairro Teotônio Vilela. Ele afirma que esta capacitação terá grande relevância para o seu trabalho. ''É possível aumentar o número de doadores, a partir do momento em que se leva a informação sobre o fato com maiores explicações e aprofundamentos. Doar órgãos é ajudar a preservar vidas''.
A OPO está funcionando na região de Ilhéus e Itabuna há dois meses. Hoje, essas cidades já possuem uma equipe disponível para a captação de múltiplos órgãos. Para esclarecer dúvidas sobre o tema e obter maiores informações, entre em contato através do email da organização, oposul@yahoo.com.br, ou através dos telefones: (73)| 2101-5259/ 9945-4600/8866-3896.








Apresentação
        O Sistema Único de Saúde é uma conquista da sociedade brasileira. Ele é fruto da luta por um sistema de saúde que atenda a toda a população, sem nenhum tipo de discriminação. Hoje, o SUS é a maior política de inclusão social existente no País.
        A 14 a Conferência Nacional de Saúde é o evento sobre saúde mais importante no Brasil e acontecerá em Brasília, Distrito Federal no período de 30 de novembro a 4 de dezembro de 2011.
        Sob o tema “Todos usam o SUS! SUS na Seguridade Social - Política Pública, Patrimônio do Povo Brasileiro” e como eixo “Acesso e acolhimento com qualidade: um desafio para o SUS”, a 14ª Conferência tem por objetivo discutir a política nacional de saúde, segundo os princípios da integralidade, da universalidade e da equidade.
        É importante ressaltar que hoje as principais políticas públicas de saúde em vigor foram fomentadas e construídas a partir de debates e discussões realizados nas últimas Conferências Nacionais de Saúde, e neste contexto é que estarão reunidos todos aqueles que acreditam e que lutam por um país onde impere a justiça social, a democracia e a participação popular na definição das políticas públicas.

Termina na próxima semana prazo de inscrição para ter desconto na conta de luz

Os consumidores de energia classificados nos critérios de baixa renda e que utilizam entre 65 quilowatts-hora (kWh) e 80 kWh por mês têm até o dia 1º de agosto para se inscrever no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e garantir a manutenção dos descontos  previstos na tarifa social de energia elétrica.
 
Quem ainda não está inscrito deve procurar a Secretaria de Assistência Social do município onde mora ou entrar em contato, por telefone, com o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome. O número para ligação grátis é 0800-7072003. Depois da inscrição, o consumidor deve comparecer à distribuidora, que vai encaminhar as informações à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).
 
Com o desconto da tarifa social, a redução na conta de luz chega a 65% para quem consome até 30 kWh por mês, a 40% para quem consome entre 31 e 100 kWh/mês e a 10% para famílias que gastam de 101 a 220 kWh/mês. O desconto chega a 100% para para famílias indígenas e quilombolas que consumam menos de 50 kWh/mês.
 
No ano passado, a Aneel mudou as regras para conceder os descontos da tarifa social. Antes, o benefício era dado automaticamente para as unidades que consumiam até 80 kWh/mês, independentemente da renda familiar. Com as novas regras, a tarifa só será concedida para quem estiver inscrito no CadÚnico, que contempla as famílias com renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa ou de três salários mínimos no total.
 
Até o fim do ano, todas as famílias que têm direito ao benefício devem estar com a situação regularizada. O prazo de cadastramento para quem consome entre 40 kWh e 65 kWh termina no dia 1º de setembro. Para consumo entre 30 kWh e 40 kWh, a inscrição deve ser feita até o dia 1º de outubro e quem consome menos de 30 kWh deve se inscrever até 1º de novembro

29 de julho de 2011

Aliados históricos estão cada vez mais distantes do PT em eleições municipais


Aliados históricos do PT, PSB e PCdoB planejam ser adversários dos petistas nas eleições municipais do ano que vem, nas maiores cidades do país. Seja com candidato próprio ou em alianças com partidos de oposição à presidente Dilma Rousseff, os quadros desenhados até aqui mostram que as conversas estão azedas em várias capitais. Fazem parte da lista São Paulo, o maior colégio eleitoral do país, Belo Horizonte, Salvador, São Luís e Florianópolis, além de cidades paulistas importantes como Campinas, São Vicente e Jundiaí.
Na corrida pela prefeitura paulistana, o PT terá candidato próprio — os favoritos são a senadora Marta Suplicy e o ministro da Educação, Fernando Haddad. O PCdoB pretende lançar o vereador Netinho de Paula. Outro aliado histórico petista, o PSB, avisou ao governador Geraldo Alckmin que apoia o nome tucano desde que o concorrente não seja da alçada de José Serra.

O favorito de Alckmin é o secretário de Meio Ambiente, Bruno Covas. O dirigente socialista Márcio França, secretário de Turismo do governo Alckmin, disse que só haveria chance de apoiar um nome do PT na capital caso o candidato fosse um dos deputados federais: Jilmar Tatto, Carlos Zarattini ou Arlindo Chinaglia. “Em São Paulo, nós somos governo. Então é mais fácil caminhar com eles. E é pouco provável que os deputados do PT sejam candidatos”, afirmou França. Fonte: Correio Braziliense.

SALVADOR RECEBERÁ 38 MILHÕES PARA SAÚDE


 

A reunião da Comissão Intergestores Tripartite (CIT), instância nacional do Sistema Único de Saúde (SUS), aprovou nesta quinta (28), em Brasília, a proposta de liberação do saldo de recursos da assistência farmacêutica básica, no valor de R$ 38 milhões. Com isso o município de Salvadorpode  quitar suas dívidas com as entidades filantrópicas que prestam atendimento à população pelo SUS.

A dívida da Prefeitura de Salvador com as entidades filantrópicas foi um dos principais causas da recente disputa, entre os secretários Jorge Solla e Gilberto José, pelo Comando do setor na capital do estado.

De acordo com o secretário Jorge Solla, que acompanhou todo o processo em Brasília, entre os dias 8 e 10 de agosto, o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, que estará nesta sexta (29) em Salvador e Feira de Santana, para visitas aos hospitais do Subúrbio e da Criança, assinará a portaria para a liberação dos recursos. "Agora, a partir dessa aprovação, a oferta de serviços de saúde nas entidades filantrópicas está assegurado, o débito da prefeitura de Salvador com estes prestadores será normalizado e o plano de recomposição do teto financeiro do município deve ser concluído rapidamente", explicou o secretário.

Agora é aguardar para ver se a tal "crise da saúde municipal", tão alardeada, será amenizada com a entrada desses recursos e esperar também para ver se algum outro município do Estado, que tenha saldo de dinheiro na assistência farmacêutica, vai solicitar o mesmo tratamento dado à capital baiana.
Fonte: Bahia todo Dia

IMBASSAHY QUER ATENÇÃO PARA SAÚDE DO INTERIOR




Foto: Agência Câmara
O deputado federal Antonio Imbassahy (PSDB) disse, nesta quinta-feira (28), que vê com otimismo a definição do prazo para a liberação dos recursos devidos pela prefeitura de Salvador aos hospitais filantrópicos, mas cobra que o governo não deixe de lado as unidades de saúde do interior do estado. O parlamentar diz ser procurado por representantes de instituições de municípios de diferentes regiões da Bahia com queixas de falta de condições até mesmo para atendimentos básicos. “É louvável que o governo do Estado tenha se empenhado para resolver o problema dos filantrópicos, ameaçados de fechar por falta de verba, mas não pode esquecer que os hospitais do interior também precisam de atenção. Tenho ouvido muitas reclamações de falta de recursos e de condições de trabalho, o que prejudica o atendimento nessas regiões e acaba sobrecarregando as unidades de Salvador”, diz o ex-prefeito. De acordo com o tucano, as reclamações partem de cidades como Barreiras, Santo Antonio de Jesus, Feira de Santana, Itabuna e Itaparica, que alegam receber tratamento desigual por parte da administração baiana.
Fonte: Bahia Noticias

28 de julho de 2011

PLANO DE SAÚDE



Está disponivél no site da Seplag uma pesquisa de adesão referente ao Plano de Saúde, click no link acima da marca da AACES ou no link desta matéria e veja o formulario.

CCZ seleciona agentes para combate à leptospirose


A Secretaria Municipal de Saúde (SMS), através do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), abriu seleção para 100 agentes comunitários de endemias (ACEs) que irão trabalhar no setor de combate ao roedor.
A realização de teste para escolha de pessoal atende a uma antiga reivindicação da própria categoria. Os candidatos deverão preencher a ficha disponível na Intranet, encaminhá-la preenchida e protocolada através da sua chefia imediata para o Setor de Vigilância de Zoonoses Urbana (SEVZU) no CCZ. Ficha de inscriçãoO candidato deverá ficar atento: não será aceito documento entregue diretamente no CCZ e nem será abonado o período utilizado para isso.Serão escolhidos os 300 primeiros agentes para realização da prova, observando-se que os 100 primeiros colocados serão escolhidos de acordo com a pontuação e critério técnico do setor.


Veja abaixo a forma de seleção e critérios para a atividade na área de leptospirose:


a) Experiência na atividade de combate ao roedor;


b) Avaliação de assiduidade nos últimos 12 meses;


c) Tempo de serviço terceirizado, convalidado e concursado, devidamente comprovados por cópias de documentos comprobatórios;


d) Não ter restrição a serviço externo e/ou a produtos químicos;


e) Avaliação de conhecimentos com resolução de teste escrito;


f) Ponto de corte: apenas os primeiros 300 agentes farão a prova de seleção.


Na segunda etapa, após realização do concurso, os selecionados deverão encaminhar os seguintes documentos, com cópias:


1. Contra-cheques;
2. Comprovante de Residência;
3. RG e CPF;
4. Documentos comprobatórios.


Período de encaminhamento de formulários: 26.07.2011 a 02.08.2011.
Fonte: SMS INTRANET









Secretaria Municipal da Saúde
Coordenadoria de Saúde Ambiental
Subcoordenadoria de Zoonoses _ Centro de Controle de Zoonoses - CCZ



Plano de Contingência de combate ao roedor 2011
Ficha de Inscrição


Nome completo: _____________________________________________________________

Identidade nº                                          Órgão de Expedição                        CPF

Matricula

Endereço

CEP                                         

Telefone (   )_________________                                                       Res. (     ) ____________________ 

  E-mail:

Sexo _______                                         Idade                                       

Escolaridade

Experiência no setor do SEVZU (        )          Período:

Aonde trabalha. Setor, e subcoordenação se houver, _____________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

Experiência em mais de um programa?   (  ) sim  (  ) não.  
Qual? ________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________


Declaro que todas as informações prestadas na nesta ficha são verídicas e dou fé pública ao seu conteúdo.


Local                     data


Assinatura

Ministro da Saúde recebe a CONACS


A CONACS dá um importe passo rumo à regulamentação do Piso Salarial Nacional, pois nessa quinta-feira, foi recebida pelo Ministro da Saúde, Alexandre Padilha acompanhado de toda sua assessoria.

O Ministro Padilha abriu a reunião dizendo que só com os “trabalhadores fortes teremos um SUS forte”.  Padilha demonstrou ainda estar afinado com a discussão do Piso Salarial e de maneira muito tranqüila conduziu a reunião com os representantes da CONACS e por mais de 2 horas apresentou propostas, idéias, ouviu com atenção as propostas da categoria e as discutiu, sinalizando de forma muito positiva sobre a proposta da implantação escalonada do Piso Salarial apresentada pela CONACS.

RESUMO DAS PROPOSTAS E DISCUSSÃO APRESENTADAS PELO MINISTÉRIO DA SAÚDE
  • O Ministério levará em consideração as deliberações das diversas instâncias de negociação do SUS, e sugeriu a imediata criação do COMITÊ DE DESPRECARIZAÇÃO DOS VÍNCULOS EMPREGATÍSSIOS DOS TRABALHADORES DO SUS, sendo acatado a proposta da CONACS em ser criado dentro desse Comitê um GT (grupo de trabalho) para aprimorar a proposta do Piso Salarial Nacional dos ACS e ACE;
  • Implantação em parceria com a CONACS e outras entidades de uma Pesquisa Nacional em que se levará em consideração o levantamento de dados como:
  1. O nº exato de ACS e ACE em atividade, sexo, idade, e a formação;
  2. Quais as condições de trabalhos, vínculo empregatício, salário, etc;
  • O Ministro acentuou que considera um desafio a regulamentação do Piso Salarial Nacional da categoria, e que no processo de discussão temos que resolver questões como:
  1. Regulamentação da Emenda 29, pois a solução para mais recursos para a Saúde depende da aprovação dos projetos que estão tramitando no Congresso Nacional;
  2. O consenso com os representantes dos Gestores Municipais;
  3. Apoio de todos os Líderes partidários no Congresso Nacional;
DO POSICIOAMENTO DA CONACS

Com o objetivo de concluir as discussões do Piso Salarial Nacional, a CONACS apresentou ao Ministro Padilha a proposta de escalonamento do Piso Salarial, apresentou números esclarecedores sobre o impacto financeiro e principalmente, sugeriu que a discussão do Piso Salarial acontecesse a partir do encaminhamento do PL do Executivo à Câmara de Deputados.

Segundo a Presidente da CONACS Ruth Brilhante: “Sabemos que a regulamentação do Piso Salarial é uma discussão que envolve vários fatores, mas será muito mais fácil encontrar uma solução com o PL do Governo na Câmara de Deputados, fato que servirá inclusive para nos inserirmos de uma vez na mobilização de regulamentação da EC 29 e abrir um canal de diálogo com os gestores”.

DOS ENCAMINHAMENTOS

Entre os principais encaminhamentos extraídos da reunião entre a CONACS e o Ministério da Saúde,temos:
  1. Criação do Comitê de Desprecarização, com a participação efetiva da CONACS;
  2. Criação do GT específico para discutir a regulamentação do Piso Salarial, a partir das propostas de escalonamento apresentadas pela CONACS, os números apresentados pela CNM e os PL’s que se encontram em tramitação na Comissão Especial do PL 7495/06
PRÓXIMOS PASSOS

Nova reunião com o Ministro Saúde está marcada para o dia 02/08, e estarão presentes os Parlamentares membros da Comissão Especial. A CONACS deverá pedir ao Relator e demais Parlamentares que insistam na proposta de que o Governo encaminhe o seu PL para que a discussão avance na Comissão Especial. Essa é a condição para a categoria efetivamente se mobilizar na aprovação da regulamentação da EC 29.
Fonte: Conacs

A luta também acontece no Recôncavo, Agentes de Saúde e Endemias de Cachoeira-Ba realizaram caminhada de manifesto nesta manhã



A caminhada partiu da Câmara de Vereadores, onde ocorreu uma reunião
e seguiu em direção às ruas do comércio da cidade.
Foto: Rubson Santos
Na manhã desta terça-feira, 26, os Agentes Comunitários de Saúde e de Combate a Endemias de Cachoeira realizaram uma caminhada pela principais ruas da cidade para reivindicar melhorias nas condições de trabalho.

Foram enumerados 12 pontos de pauta para reivindicações, dentre elas fardamento e material adequados, direitos intituídos por lei, negociação salarial, reconhecimento do trabalhador estatutário e questões ligadas a  irregularidades na previdência e repasse do FGTS.

Após sete meses de tentantiva de diálogo com o prefeito da cidade, Fernando Antônio, Tato,  foi   agendada para a próxima sexta-feira, 29, às 8h, uma reunião com os representantes e  delegados do sindicato para discutir as reivindicações.
A caminhada foi coordenada pelo- Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e Contendopres de Doenças Endêmicas e Epidemiológicas do Estado da Bahia - e decidida em assembleia.

Segundo Edson Morais, coodenador de formação do sindicato, a caminhada não teve o intuito de protesto, mas de mostrar principalmente à comunidade as reivindicações, situação do trabalhador no município e andamento das negociações. "Não queremos atacar a prefeitura, queremos ser reconhecidos", enfatizou Edson.

27 de julho de 2011

COM CHUVA OU COM SOL A LUTA É UMA SÓ.

É enfrentando as dificuldades que você fica forte. 
É superando seus limites que você cresce. 
É resolvendo problemas que você desenvolve a maturidade. 

É desafiando o perigo que você descobre a coragem, arrisque e descobrirá como as pessoas crescem, quando exigem mais de si próprias e assim conseguem alcançar os seus objetivos...!!
Não importa do que é o mundo
O importante, são os seus sonhos...

Não importa o que você é
O importante é o que você quer ser...

Não importa onde você está
O importante é para onde você quer ir...

Não importa o porquê
O importante é o querer ...

Não importa suas mágoas
O importante mesmo, são suas alegrias...

Não importa o que você já passou
O passado guarde na sua lembrança ...

Não veja; apenas olhe...

Não escute; apenas ouça...

Não toque; sinta...

O mundo é um espelho;

não seja apenas um reflexo

Só acreditando no futuro você conseguirá a paz

para alcançar seu sonhos...

Afinal, o que importa ?

Você importa...

A  AACES agradece a todos os guerreiros e guerreiras que enfrentaram as dificuldades para tornarmos unicamente força e combater as barreiras e seguir firme para novas conquistas .
Que Deus Abençoe a todos 
veja como juntos somos fortes:















26 de julho de 2011

AGENTES JUNTO COM A DIRETORIA DA AACES E SINDACS HOJE NO RIO VERMELHO

Depois de tomar um chá de espera da TV ITAPOAN, e a emissora não aparecer para darmos uma entrevista sobre o índice de dengue do distrito barra/rio vermelho e responder ao senhor varela que não somos terceirizados e sim estatutários, um grupo de agentes de saúde junto os diretores da AACES e do Sindacs, não saiu   de zero até porque, temos a profissão no sangue e gostamos do que fazemos, e não podíamos deixar de perceber a infestação de roedores instalada na colônia de pescadores do rio vermelho, então atacamos as tocas e os roedores literalmente, vejam as fotos e os videos abaixo.








roedor morto na areia.
roedor morto na areia.
toca ativa.
acessibilidade.
Os guerreiros(as) que mesmo em greve atacaram o rato.
Os agentes na colônia de pescadores do rio vermelho

DEPOIMENTO DO PESCADOR JOÃO CARLOS DO NASCIMENTO DA COLÔNIA DE PESCADORES DO RIO VERMELHO, SOBRE OS RATOS LOCAIS

AGENTES DE SAÚDE SUSPENDEM GREVE EM SALVADOR


A casa militar também participou.

A mesa com Ana Paula representando o IV segmento,
Ivan Luis (Manchinha) os trabalhadores, Jair Alves e Enádio da AACES.

A mesa de Negociação com os diretores do Sindacs e Valdemir da CUT
 
Os representantes dos agentes de endemias e a Prefeitura de Salvador chegaram a um acordo, no início da noite desta terça-feira (26), e a greve da categoria foi encerrada. Para o martelo ser batido ficou acertado que os 4 mil servidores passarão a receber o piso de R$ 545 retroativo a maio deste ano - 6,86% de reajuste - e contarão com um abono de R$ 600 dividido em seis meses, de julho a dezembro. De acordo com a administração soteropolitana, somente o aumento salarial onera em R$ 20 milhões mensais à folha de pagamento. Além disso, em janeiro deste ano o prefeito João Henrique sancionou a Lei 7.955, que torna os agentes estatuários e prevê para junho de 2012 a adoção das vantagens financeiras da transmudação de regime. Uma nova reunião, prevista para novembro, analisará, diante da situação financeira nos cofres públicos, a proposta dos trabalhadores de antecipar a vigência das vantagens financeiras da alteração de regime. Além do salário e do abono, todos recebem vantagens com insalubridade, alimentação e auxilio transporte.
Fonte: Bahia Noticias


Veja a cópia da ata de negociação, e para aqueles que pensaram em cortar os dias dos trabalhadores e que apostavam no nosso fracasso, se enganaram mais uma vez, além dos dias apontados ainda conseguimos outras vantagens, como a garantia da inclusão do orçamento dos efeitos financeiros na LOA, portanto após a votação em assembléia a categoria resolveu acabar a greve e amanhã 27/07 voltar ao trabalho.
        

video

AVISO URGENTE!

Diante do final da greve, apenas a comissão irá ao  balanço geral, pedir uma retratação de Varela., portanto não se faz nescessario que a categoria participe, na certeza do entendimento, antecipadamente agradecemos.

RAIMUNDO VARELA TÁ NO MUNDO DA LUA!


Desinformação e garfe ao vivo.

 
Varela cara a cara com nosso patrão e não sabia.

Há tempo viemos chamando atenção em outras matérias do descaso discriminatório que essa categoria vem sofrendo tanto da prefeitura que nos diferencia dos demais servidores como da imprensa que não se sabe o motivo não dá a atenção devida aos acontecimentos que já duram 48 dias, e quando cita os servidores não cita os agentes de saúde. O cúmulo do absurdo que confirma isso aconteceu hoje no balanço geral quando o jornalista Raimundo Varela mostrou que está totalmente desatualizado em relação aos agentes de saúde e ignorantemente afirmou que não somos funcionários do município, somos terceirizados, ainda comete a garfe de pedir a Guilherme para na próxima vez mostrar o nosso patrão. Acontece Sr. Varela que nosso patrão é o prefeito João Henrique que estava ontem ai ao seu lado e lhe convidou para o partido dele. E agora? Sem saber o sr disse quem é o responsável por essa situação. Amanhã você pede novamente ao Guilherme pra mostrar nosso patrão, os agentes vão assistir. ACOOOOOOORDA VARELA!

25 de julho de 2011

MANIFESTAÇÃO DOS AGENTES DE SAÚDE TEM REPERCUSSÃO NACIONAL

Presidente da Aaces fala aos manifestantes. Ao fundo o "quartel" Tomé de Souza

A praça municipal ficou pequena para os agentes de saúde que completaram ontem 47 dias em greve. A manifestação chamou a atenção da mídia e teve repercussão a nível nacional. A prefeitura oferece reajuste de 6%, o que equipararia o piso dos agentes (dá até vergonha de falar) ao salário mínimo nacional, porém essa proposta não foi aceita pelos grevistas que cansados de serem diferenciados dos demais servidores pedem um salário de 817,50, ou equiparação de salários aos demais servidores, que seria de 679 e que seja antecipada a gratificação SUS.
A Aaces parabeniza aos agentes que ontem mostraram de verdade como deve ser um movimento de greve, onde todos buscam um objetivo e todos lutam juntos para alcançá-lo. Cremos que se esse contingente de ontem fosse fiel provavelmente essa greve não tivesse se estendido por tanto tempo. Seja o responsável pelo seu sucesso e não pelo fracasso. Não deixe que decidam por você, pois desse modo não terá o direito de reclamar depois. Estamos na reta final. Compareçam as convocações. Hoje às 14 horas ao agentes voltam castro Alves para mais uma mobilização enquanto aguardam uma resposta da prefeitura. Não esqueçam os apitos e panelas.


Frente a câmara. Nossa casa????

                                      
"Quartel" Tomé de Touza

R$ 545 é dose prá leão

essa é nossa força

na mesa de negociação

ansiosa por uma solução justa, os agentes "invadem" a noite

PREFEITO EM ENTREVISTA COM VARELA

Quando o prefeito terminou a entrevista foi abordado pelos diretores do sindicato na porta da emissora, que na oportunidade, destacaram a situação da categoria para autoridade: a classe está parada há 50 dias, a jornada de trabalho dos servidores municipais de 40 horas, sendo que os ACS e ACE têm a mesma carga horária, mas não são tratados da mesma forma.
O prefeito João Henrique disse aos diretores que vai está  conversando com a controladoria do município, Lisiane Guimarães, antes das reunião do sindicato com as autoridades, previamente marcada para hoje, às 15h.





Fonte: Sindacs

VEJA O VÍDEO DO PREFEITO SOBRE NOSSA CATEGORIA



Fonte: Sindacs

AGENTES DE SAÚDE DERRUBAM SESSÃO NA CÂMARA DE VEREADORES

“Chega de miséria e humilhação, os agentes de saúde querem valorização”. Com esse “grito de guerra” e com apitaço, os agentes de combate a endemias de Salvador conseguiram derrubar a sessão ordinária da Câmara Municipal nesta segunda-feira (25). Como já havia sido anunciado pelo Bocão News, eles permanecem em estado de greve desde o mês passado. O primeiro vice-presidente do Legislativo, Paulo Magalhães Jr. (PSC), tentou acalmar os ânimos para dar seguimento aos trabalhos. “Todos são bem-vindos. Afinal, aqui é a casa do povo. Mas, é preciso deixar que os vereadores se manifestem até mesmo para ajudar vocês”.

O apelo não surtiu efeito e o grupo de funcionários da prefeitura voltou a protestar. “Chega de miséria e humilhação, os agentes de saúde querem valorização”. Então, a sessão foi interrompida por 15 minutos, o que foi um “prato cheio” para aqueles vereadores que não queriam continuar no plenário Cosme de Farias. Com o fim do tempo regimental, a sessão foi encerrada por falta de quórum. Dentre outras coisas, a categoria luta para que o salário-base, que hoje é de R$ 510, seja reajustado para um valor acima do mínimo.  
Autor: Redação Bocão News

Agentes de saúde e endemias fazem protesto na Praça Municipal, em Salvador



As associações de Agentes de Saúde e de Combate a Endemias fazem na tarde desta segunda-feira (25) uma manifestação na Praça Municipal, em Salvador. Os profissionais, que seguem em greve mesmo depois do fim do movimento dos servidores municipais, pedem o aumento do salário base da categoria e aprovação do plano de cargos e salários dos servidores da prefeitura.
O trânsito na região está lento por conta do movimento, que reúne cerca de 300 pessoas, mas segue sem confusão.
Fonte: Consulado Social